8Wqh3BR5swU

Clay Marzo mostra criatividade nas linhas, grabs e bases durante uma viagem tubular para o México. Assista e mate as saudades

Por Redação HC

Clay Marzo surgiu em meio a uma geração recheada de talentos — Dane Reynolds, Julian Wilson, Jordy Smith, para ficar apenas na concorrência internacional — mas sempre conseguiu se destacar como um dos mais, se não o mais criativo de todos. Principalmente quando o assunto era seu ataque de frontside em qualquer esquerda de qualquer tamanho ou formação que aparecesse pela frente. Um talento que até hoje arranca suspiros e inspiração de caras como Italo Ferreira (talvez o goofy mais criativo desde Clay).

Veja também:
Praia de Itamambuca pode se tornar Reserva Mundial de Surf
“Pertinho do Papai do Céu”: Pedro Scooby comenta acidente em Portugal
No limite: assista ao resgate insano de Chumbo e Consenza

A carreira de competidor nunca funcionou muito bem para o havaiano de gênio difícil e o resultado disso é um surfista de quem nos habituamos a ver menos do que gostaríamos. Por isso os vídeos são sempre dignos de atenção, mesmo quando não trazem, aparentemente, nada de sobrenatural.

É o caso deste último, gravado em setembro, durante uma viagem ao México. Em vez dos aéreos e rabetadas malucas, a ação é focada no tubo, onde ainda assim Clay mostra ter uma criatividade acima da média, com linhas, grabs e bases pouco usuais.

Assista, mate a saudade e inspire-se um pouco, se puder, para sua próxima sessão em algum pico tubular:

Veja também:
Francesa surfa onda gigante em Nazaré e pode tirar recorde de Maya Gabeira
Ian Gouveia lidera pelotão brasileiro no round 3 em Haleiwa