56v9x7Ct8E8

A gigantesca onda que se forma no nebuloso cenário de Pescadero Point, na Califórnia Central, caiu no esquecimento após a criação de uma lei que mudaria tudo 

Por Redação HC

Uma onda marcou o cenário – e a vida – do surf na Califórnia Central durante muitos anos. Batizada de Ghost Tree, a vala de Pescadero Point era um pico para surfistas de ondas grandes, ou melhor, colossais. Além de tudo, o ambiente fantasmagórico do local com árvores retorcidas e algas pantanosas se uniam ao maior medo dos big riders que tiveram a chance de surfar na onda: as imensas rochas fatais postadas no mar.

Esse cenário, febre nos anos 2000 e que ajudou a propagar o tow-in de maneira consistente, caiu no esquecimento – ou foi obrigado a ser esquecido – em 2009, quando uma lei proibiria o uso massante de jet-skis no pico para regularizar o número de embarcações que circulavam entre a costa da Califórnia. O fato abalou os surfistas que, reconhecendo o perigo do local, “abandonaram” Ghost Tree.

A Red Bull lançou recentemente o primeiro episódio de Made In sobre a onda de Ghost Tree, no qual mostra a história da onda, seus momentos épicos e os acasos que ocorreram no local. As filmagens são do cineasta Graham Nash:

VEJA TAMBÉM:
• LOCAL DE 12 ANOS BOTA PRA BAIXO EM TEAHUPO’O GRANDE; ASSISTA
• GABRIEL MEDINA COLA MAIS UM ADESIVO EM SUA PRANCHA MILIONÁRIA
• MICK FANNING ESTOURA JOELHO, DEVE FICAR DE 6 A 12 MESES FORA DA ÁGUA