Publicidade:

Filmmaker Alex Ribas registra pela primeira vez Nazaré de dentro d’água

O desafio de enfrentar onda gigante costuma ser tarefa dos atletas mais bem preparados e atirados. No entanto, o filmmaker Alex Ribas quebrou um tabu e também partiu junto com os big riders para registrar as bombas de Nazaré de dentro d’água.

Veja também:

Como será a onda de Nazaré vista do espaço?

Big rider Alex Botelho processa WSL depois de quase morrer afogado em Nazaré

5 momentos de total risco de vida em Nazaré

O vídeo, feito do jetski, traz uma visão mais crua de como realmente é o surf na Praia do Norte, mas os desafios para conseguir essa imagens foram enormes. A Hardcore conversou com o filmmaker que contou tudo sobre a experiência.

Alex Ribas estava nesta temporada para registrar Bruno Santos no campeonato Capítulo Perfeito, mas as aventuras renderam frutos em várias partes do país, com a maior delas na maior onda do mundo. “Logo depois do evento a gente fez um tour pela costa portuguesa e agora o Bruno está adorando onda gigante, então ele estava com o foco de surfar Nazaré”, conta Alex à Hardcore.

Filmar Nazaré de dentro d’água?

Uma ondulação gigante encostou e no maior dia o filmmaker registrou de fora d’água – até porque as imagens rendem mais – mas depois recebeu o inusitado convite. “No dia seguinte do grande swell estava um pouco menor, 25 pés (risos de ironia), e quando eu acordei de manhã o Bruno falou ‘Alex, hoje você vai para dentro d’água”, conta ele. “Me deu um gelo, né? Eu não esperava, foi uma surpresa pra mim”, completa ele sobre a sensação de frio na barriga da sua primeira vez no mar de Nazaré.

As águas que banham Portugal são extremamente geladas. Para surfar por lá, geralmente, se usa um longjohn de 5 milímetros e, em Nazaré, ainda é preciso vestir um colete de proteção. Certamente, esse tanto de roupa torna tudo mais difícil, mas não tem como ser de outro jeito. “Me senti um astronauta”, conta Alex sobre as vestes.

Então, eles desceram para o porto (onde saem os jetskis para o surf) e foram para a Praia do Norte. “Foi uma coisa impressionante ver aquelas massas d’águas”, conta ele. “Nazaré não tem canal, então as ondas quebram em tudo que é lugar e não tem um lugar definido para voltar”, completa a explicação.

Apesar das ondas não estarem gigantes para os padrões Nazaré, ainda sim trata-se de Nazaré e, portanto, lida-se com o perigo iminente. “As ondas estavam boas, com bastante potência e no inside estava um pouco mexido”, relembra ele.

A sensação de adrenalina e medo melhorou na água, já que Ian Cosenza estava no comando do jetski. O piloto explicou tudo sobre as condições, a correnteza e como o pico funciona e isso foi fundamental para trazer tranquilidade ao filmmaker.

Maiores dificuldades

No entanto, os desafios não acabaram ali. Alex tem 35 anos de experiência em produção de filme e já registrou lugares muito difíceis, como Kandui e Padang-Padang, mas ele sabia que registrar Nazaré seria ainda mais complicado.

Durante a missão ele se deparou com três grandes dificuldades. “O jet ski mexe o tempo todo e eu senti muita falta de uma alça no meu pé ou na minha perna para eu poder usar as duas mãos”, conta ele sobre a maior delas. “Foi um desafio bem grande entender todo o balanço, mas aí a gente foi se adaptando e as imagens foram começando a sair”, completa.

Segundo ele, as outras questões pontuais foram as gotículas d’água na lente e o fato dele estar posicionado contra a luz. “Eu tinha que fazer uma regulagem constante na câmera e eu não tinha tempo para isso – ainda mais com uma mão só”, finaliza ele sobre as dificuldades.

Apesar dos desafios, Alex comenta que com certeza vai registrar Nazaré da água mais vezes e também vai em busca de dropar uma onda. “Com certeza eu vou voltar pra dentro d’água com o jet ski e eu vou aprendendo para conseguir fazer umas imagens ainda melhores”.

No dia, além de Bruno Santos e Ian Cosenza, estavam presentes Michelle des Bouillons e Ulisses Pereira. Todos pegaram altas ondas.

“Essa experiência foi uma das maiores da minha vida, porque é um ambiente completamente novo e você está ali, junto e suscetível a força extrema da natureza de Nazaré”, finaliza ele.

Aperte play e veja o vídeo com as imagens de dentro d’água de Nazaré:

 

 

 

Receba nossas Notícias no seu Email

+Notícias