Ataque ocorreu em Boomerang Beach, na cidade de Forster. Surfista conta que foi arrastado por força descomunal e não conseguia desprender a cordinha

Por Redação HC

O surfista Chris Little estava em cima de sua prancha por volta das 6 da tarde do prolongado horário de verão em Boomerang Beach, na pacata cidade de Forster, coste leste da Austrália, quando tomou o maior susto de sua vida. Ele remava para uma onda da série, sozinho no outside, quando sentiu um puxão em sua cordinha. O puxão revelou-se muito mais forte do que ele achou no primeiro momento, e no instante seguinte, ele estava sendo arrastado embaixo da água.

Nativo de Sydney, Chris, 40, estava de folga em Forster. Ele relatou sua aventura ao jornalista Derek Riley, do site Beach Grit.

Ele contou que era como se estivesse sendo arrastado pela força de um carro bom: “peso cerca de 90 quilos e minha prancha tem 32 litros. Fui levado para o fundo do mar e nem sequer conseguia me mover. Tentei tirar o leash do pé, mas não consegui”, ressaltou. Quando a cordinha finalmente arrebentou, ele diz que sua prancha foi arremessada 5 metros para fora da água com o empuxo. Ela estava com pequenas rachaduras na fibra devido ao impacto. “Era como um míssil”, conta.

Por sorte, o tubarão decidiu não voltar para buscar sua presa. “Eu surtei, voltei para a praia remando como o Ian Thorpe”, e contou o caso para sua namorada e alguns locais que ressaltaram que ocorrências similares estão sendo registradas nos últimos tempos por ali.

Eles acreditam que o fator que traz os predadores mais à costa é a presença das baleias que migram para região nessa época do ano.

VEJA MAIS:
SURFISTA CAI EM CIMA DE TUBARÃO APÓS SALTAR DE PRANCHA
SURFISTAS ASSUMEM LINHA DE FRENTE NA LIMPEZA DO ÓLEO NA BAHIA
DIRETOR DO IBAMA APONTA PRÉ-SAL COMO POSSÍVEL ORIGEM DO ÓLEO NO NE