Publicidade:

Responsa Tube Rider: Laje de Ipanema recebe evento inédito

No último 1º de maio de 2022, a Laje de Ipanema foi palco do Responsa Tube Rider, uma competição inspirada nos antigos jogos polinésios realizados pelo povo Rapa Nui, na Ilha de Páscoa, onde habilidade e coragem eram elementos preponderantes para o sucesso na disputa.

Assim, o Responsa Tube Rider tornou-se o primeiro campeonato de surf realizado na Laje de Ipanema, inaugurando um novo conceito e formato de competição, integrando as principais modalidades dos esportes aquáticos e de ação, tornando o desafio mais justo possível, onde qualquer competidor possa sagrar-se vencedor (através do tubo).

Rafael Ramos, diretor geral da competição, conta que em 2019 ele e um grupo de amigos realizaram uma competição “piloto” em Ipanema, no Beach Break, integrando as principais modalidades.

Responsa Tube Rider
Responsa Tube Rider, Laje de Ipanema. Foto: Rico Sombra

Ao perceber o sucesso da nossa empreitada, decidimos realizar novamente, só que agora num slab. 

Escolhemos um dos picos mais desafiadores da cidade maravilhosa, por se tratar de um local que quebram muitos tubos, onde encontramos nosso caminho, o de seguir nesse projeto, na realização de um sonho concretizado em quatro anos”, conta Rafael.

“A Laje de Ipanema é uma onda diferenciada e que impressiona. Qualquer um que a conhece fica apaixonado pelo local”, completa.

Veja também:

+ Surf na Pororoca: empresa lança roteiro turístico

+ Laje de Ubatuba desperta no domingo de Páscoa [VÍDEO]

+ Miguel Tudela e Sol Aguirre vencem QS 1000 em Galápagos

A escolha dos atletas foi feita através de uma mescla entre profissionais do esporte e locais do pico, que receberam o convite da organização do Responsa Tube Rider para participar do evento.

Responsa Tube Rider
Responsa Tube Rider, Laje de Ipanema. Foto: Rico Sombra

Rafael conta que o formato híbrido do evento foi construído em conjunto, com a participação de diversas pessoas.

Ouvimos muitas pessoas como: atletas, parceiros, apoiadores, amigos, o que foi muito enriquecedor para termos êxito. Todos os envolvidos acompanharam todo o processo por um grupo criado no whatsapp, com total transparência”, revela.

O formato então se deu através de baterias de 20 minutos para cada modalidade e categoria.

Por ser um formato novo e difícil de se realizar, muitas pessoas desacreditaram, porém, esse projeto foi construído de forma coletiva entre os representantes das modalidades, cada um sempre trazendo algo para somar”, pondera Rafael.

Responsa Tube Rider
Responsa Tube Rider, Laje de Ipanema. Foto: Rico Sombra

Erick Poseidon, conhecido por sua experiência foi a pessoa escolhida para monitorar o swell, mas a decisão foi em grupo para a abertura da janela.

Gabriel Sodré e Tiago Arraes trouxeram para o grupo que os títulos deveriam ser definidos através da melhor performance (melhor onda), pior vaca e melhor foto.

Poseidon, frisou que a decisão deveria ser votada internamente para envolvimento e participação de todos. E assim foi feito.

Igualdade de gênero

O evento buscou também dar tratamento igual às atletas do gênero feminino, com a premiação igual entre homens e mulheres, e levando a primeira mulher a dropar a onda da Laje de Ipanema.

Sendo assim, o Responsa Tube Rider aconteceu no dia 1º de maio de 2022 com sucesso, tendo como um dos objetivos, também, viabilizar e angariar recursos para realizarmos os próximos eventos:

valorizando ainda mais a performance dos atletas, que se arriscam por um sonho”, comemora Rafael Ramos.

Highlights Responsa Tube Rider – Laje de Ipanema

Imagens Ready2fly Imagens Aereas

Imagens Rico Sombra

Responsa Tube Rider – Laje de Ipanema | Vencedores por modalidade e categoria

  • Surf Masculino – Pedro Amorim
  • Surf Feminino – Michaela Fregonese
  • Long Board Feminino – Cris Pires
  • Body Board Masculino – Alexandre Cruz
  • Body Board Feminino – Paola Simão
  • BodySurf Masculino – Yuri Gomes
  • Hand Surf Masculino – Mateus França

O vencedor da melhor onda será anunciado na cerimônia de premiação que acontecerá no início de junho (data a definir).

Realização

Instituto Rexponsa e Surf Stone House

Diretor Geral

Rafael Ramos

Parceria:

Gabriel Sodré, Tiago Arraes, Eric Poseidon, André Paiva e Paola Simão.

Fotógrafos que colaboraram e foram também fundamentais para a realização desse evento:

  • Affonso Dale
  • Henrique Pinguim
  • Anderson Guerreiro
  • Vitor Lopes
  • Jhonatan
  • Eduardo Barão
  • Rico Sombra
  • Mr Sports Films
  • Mariana Juppa
  • Read 2 Fly Imagens Aéreas
  • Canal Surf Storm
  • João Werneck
  • Oswa1do

“Sonho que se sonha junto é realidade”

Realização

Instituto Rexponsa e Surf Stone House.

Receba nossas Notícias no seu Email

+Notícias