26 C
Papeete
domingo, 21 julho, 2024
26 C
Papeete
domingo, 21 julho, 2024

Miguel Pupo é campeão do Tahiti Pro 2022

O brasileiro Miguel Pupo é o campeão do Tahiti Pro 2022. A final foi disputada na noite dessa sexta-feira (horário de Brasília) tarde na Polinésia Francesa.

Miguel enfrentou o jovem local Kauli Vaast em uma final de alto nível (17.17 a 15.00). Surfando com muita segurança, o brasileiro saiu na frente com uma bela onda nota 7,00. Kauli, por sua vez, respondeu com um modesto 1,93. Pouco depois, o francês surfou para 4.83, aumentando o seu somatório para 6.76. O brasileiro não deixou barato, achando uma boa onda minutos depois. Como a nota foi um 5.83, Miguel voltou a ficar confortável na liderança.

A 15 minutos do fim, os dois surfistas protagonizaram o momento mais emocionante da decisão. O francês achou a sua melhor onda, um 7.33, jogando pressão em Miguel. A resposta, no entanto, veio com um contra-ataque na mesma série. Num tubo espetacular, o brasileiro levou nota 9.00 dos juízes, ficando mais perto da taça.

Miguel Pupo é o campeão do Tahiti Pro 2022.
Kauli Vaast. Foto: Damien Poullenot/World Surf League)

Empurrado pela torcida taitiana, Kauli Vaast não se entregou, voltando a ter chances após um 7.37. Só que Miguel Pupo não estava para brincadeira. Em mais um tubo espetacular, o paulista levou 8.17, passando a ter 17.17 de somatório. Jogando a sua sorte em Teahupoo, o francês achou um lindo tubo a cinco minutos do fim. A nota foi um 7.63, que o deixou a um 9.54 da virada.

Aos poucos, porém, o paulista foi administrando o resultado. Dono da prioridade, Miguel tratou de gastar o tempo até confirmar a vitória por 17.17 a 15.00. Terminada a bateria, ele foi bastante saudado pelos colegas de Brazilian Storm, dentre eles Filipe Toledo e Samuel Pupo. Uma festa tipicamente brasileira em pleno Taiti.

Na semifinal, Miguel teve uma vitória contundente diante de Caio Ibelli em outro confronto de alto nível.

Pupo foi o terceiro surfista brasileiro a faturar a etapa do Taiti. Os outros foram: Bruno Santos, vencedor em 2008; e Gabriel Medina, campeão nos anos de 2014 e 2018.

Mesmo com o título, Miguel encerra a temporada fora do top-5, o grupo de atletas classificados para o WSL Finals, em setembro, na Califórnia. Líder do ranking, Filipe Toledo encabeça a turma ao lado de Jack Robinson (2º), Ethan Ewing (3º), Italo Ferreira (4º) e Kanoa Igarashi (5º).

Courtney Conlogue campeã; Tati fica em terceiro

Miguel Pupo é o campeão do Tahiti Pro 2022.
Courtney Conlogue “sobrou” na final. Foto: Beatriz Ryder/World Surf League)

Após eliminar a brasileira Taitana Weston-Webb na semifinal, a estadunidense Courtney Conlogue ficou com o título do Tahiti Pro – A primeira mulger a vencer um evento da WSL na mítica onda taitiana.

Na final, Courtney enfrentou a costa-riquenha Brisa Hennessy e venceu o confronto sem dificuldade, dominando a bateria do início ao fim, largando na frente com ondas de 7.17 e 4.50.

Aparentando cansaço, Brisa tinha apenas 1.93 de somatório a 10 minutos do término, precisando de uma combinação de 11.67 para virar.

Veja também:

Longboard e SUP Wave abrem as competições do Aloha Spirit em Saquarema

Tubo de base trocada em Teahupo’o? Kauli Vaast deu aula; veja vídeo

Sem ter muito o que fazer, coube à costarriquenha apenas tentar diminuir a diferença. Melhor para a americana, que sagrou-se campeã de Teahupoo com uma contundente vitória por 11.67 a 5.20 com direito a graça para a torcida.

Com o resultado, Weston-Webb vai para o WSL Finals na terceira colocação, atrás da havaiana Carissa Moore e da francesa Johanne Defay. Com isso, a brasileira entra no mata-mata na segunda rodada, aguardando a vencedora de Stephanie Gilmore (4ª) x Brisa Hennessy (5ª). Para ser campeã, Tatiana precisa vencer seus três confrontos na Califórnia.

O WSL Finals acontece de 8 a 16 de setembro em Lower Trestles, San Clemente, Estados Unidos. Apenas as cinco melhores colocadas do ranking participam da competição que definirá a campeã da temporada.

Mais informações em nossas próximas atualizações.

Finalistas Tahiti Pro 2022

Feminino

Final

Courtney Conlogue (EUA) 11.67 x Brisa Hennessy (CRC) 5.20

Semifinais

Tatiana Weston-Webb (BRA) 7.30 x Courtney Conlogue (EUA) 7.66

Vahine Fierro (FRA) 2.97 x Brisa Hennessy (CRC) 7.90

Masculino

Final

Kauli Vaast (FRA) 15.00 x Miguel Pupo (BRA) 17.17

Semifinais

Kauli Vaast (FRA) 17.33 x Kelly Slater (EUA) 1.17

Caio Ibelli (BRA) 7.57 x Miguel Pupo (BRA) 13.50

 

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias