26 C
Papeete
quinta-feira, 23 maio, 2024
26 C
Papeete
quinta-feira, 23 maio, 2024

Lorenzo Ricco vence o sul-americano de Surfskate com apenas sete anos

O ano de 2023 começou bem para o surfista e skatista Lorenzo Ricco, morador da cidade de Osasco, na grande São Paulo. O jovem de apenas sete anos, desde dezembro do ano passado, até a presente data, já conquistou dois títulos importantes para a sua promissora carreira de atleta.

Ricco, como é mais conhecido entre os amiguinhos e familiares, é o atual dono do título Brasileiro de Surfskate, conquistado na Bahia, em dezembro passado e, neste mês de fevereiro, o jovem prodígio surpreendeu mais uma vez e foi até a Praia do Rosa, em Santa Catarina, para disputar  e sair vitorioso do Sul-Americano de Sufskate mais uma vez. Ele finalizou em 2º lugar, porém, na somatória das etapas, Lorenzo foi anunciado o campeão.

Eu estou muito feliz. Ganhei no ano passado e ganhei agora novamente. Eu agradeço muito a minha família e em especial ao meu pai, que está sempre comigo e me incentivando em tudo que eu faço“, disse o jovem.

+ Rayssa Leal dá show e é campeã mundial de skate street 

+ “A World Skate League está forçando desrespeitosamente uma fusão,” diz Bob Burnquist

O Surfskate é a mais nova modalidade que engloba movimentos típicos de surf e skate, mas tudo praticado no asfalto e em pistas. Para muitos profissionais de surf, como Adriano de Souza, a “ferramenta” é um grande simulador de surf que ajuda e muito no desenvolvimento de um atleta.

Lorenzo Ricco
Ferinha já acumula troféus na nova modalidade. Foto: Divulgação

Para o Fábio, pai do jovem Lorenzo Ricco, o filho se adaptou muito rápido nesta modalidade. “O esporte nem bem tomou tanta proporção e o meu filho já acumulou dois importantes títulos na categoria Surfskate. Estou bastante feliz por ele e tenho certeza que o Lorenzo vai conseguir mais destaques, seja no asfalto ou no mar, e sempre levando o nome da nossa cidade de Osasco aos pódios“, finalizou.

O pai ainda ressaltou que nas competições Ricco disputa sempre com adversários mais velhos pois não existe a categoria para atletas de sete anos, até o momento.

*Por Charles Roberto

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias