27 C
Papeete
sábado, 13 julho, 2024
27 C
Papeete
sábado, 13 julho, 2024

ISA mantém veto a Rússia e Bielorrússia

Em nota oficial, a ISA – International Surfing Association informou que manterá o veto à participação de surfistas da Rússia e Bielorrússia em eventos oficiais chancelados pela entidade.

A decisão responde à recomendação da Junta Executiva do Comitê Olímpico Internacional (COI) para permitir que as Federações Deportivas Internacionais implementem suas próprias políticas com respeito à participação de atletas russos e bielorrussos como atletas neutros em eventos promovidos pela entidade.

No entanto, a recomendação do COI sobre a adesão de atletas neutros não se aplica a esportes de equipe ou eventos de equipe, como é o caso dos campeonatos organizados pela ISA.

Diz a nota:

“O Comitê Executivo da ISA decidiu hoje continuar a excluir surfistas da Rússia de todos os eventos promovidos pela entidade.

Atualmente, a ISA não tem uma federação membro na Bielorrússia, então, atletas desse país não são elegíveis.

A ISA observou a recomendação do Comitê Executivo do Comitê Olímpico Internacional (COI) em 28 de março de 2023 para permitir que as Federações Internacionais de Esportes implementem suas próprias políticas em relação à participação de competidores russos e bielorrussos como atletas neutros em eventos sob condições específicas. Essa recomendação do COI sobre atletas neutros não se aplica a esportes de equipe ou eventos de equipe.

+ Jovem é resgatada a 46 km da costa após 20 horas com uma prancha de SUP

Eventos da ISA são competições com equipes qualificadas que são inscritas por suas Federações Nacionais de Surf. Não há disposição no Livro de Regras da ISA para a participação de indivíduos fora de suas equipes nacionais, incluindo os Jogos Mundiais de Surf e outros eventos que desempenham um papel na qualificação dos atletas para os Jogos Olímpicos por meio de seus Comitês Olímpicos Nacionais.

A ISA continuará monitorando a situação na Ucrânia e consultando outras organizações esportivas internacionais, como o COI, para revisar as políticas de participação de atletas. Caso as circunstâncias mudem, a ISA revisará sua posição e apresentará recomendações atualizadas ao seu Comitê Executivo.

+ Surf Doc explica a lesão de Jack Robinson

Essas decisões são resultado da forte condenação da ISA à invasão do governo russo na Ucrânia – uma guerra que tem sido travada há mais de um ano. Como prioridade máxima, a ISA está garantindo a segurança do público, dos atletas e dos oficiais, e protegendo a integridade de suas competições.

A ISA continua expressando sua solidariedade com o povo e os surfistas da Ucrânia”.

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias