28 C
Papeete
terça-feira, 21 maio, 2024
28 C
Papeete
terça-feira, 21 maio, 2024

Challenger Series de Portugal é adiado no sábado

O sábado iniciou com mar pequeno e inconsistente em Ribeira D´Ilhas e o início da etapa europeia do World Surf League (WSL) Challenger Series foi adiada. A próxima chamada para dar a largada no EDP Vissla Pro Ericeira será as 7h15 do domingo em Portugal, 3h15 da madrugada no fuso horário de Brasília. Um total de 27 representantes da América do Sul estão entre os 144 participantes, 96 na categoria masculina e 48 na feminina. São 22 surfistas do Brasil (17 homens e 5 mulheres), quatro do Peru (2 em cada categoria) e um do Uruguai.

“Está um dia lindo, ensolarado, com ventos fracos, mas sem ondulação suficiente para iniciar o campeonato hoje (sábado)”, analisou Travis Logie, gerente sênior de circuitos e competições da WSL. “A maré baixou e até tem algumas ondas lá fora, mas insuficientes para dividir entre quatro competidores. As condições estarão melhores amanhã (domingo) e o restante da semana também promete ser de boas ondas, então estamos otimistas e animados para os próximos dias”.

Veja também 

Quem é Luana Silva, o novo reforço da Brazilan Storm?

Estudo revela interações entre surfistas e tubarões

Mundial de Longboard 2022 será decidido em Malibu

A grande novidade é Luana Silva, que vai reforçar o Brasil a partir desta etapa. Ela nasceu no Havaí 18 anos atrás, mas é filha de pais brasileiros e decidiu mudar de nacionalidade, com o apoio do Comitê Olímpico Brasileiro (COB). Luana venceu o EDP Vissla Pro Ericeira em 2021, numa dobradinha havaiana com Ezekiel Lau. Agora, vai competir como brasileira pela primeira vez na sexta bateria, contra a australiana Dimity Stoyle, a sul-africana Zoe Steyn e a carioca Carolina Mendes, que há muitos anos mora e representa Portugal nas competições.

A participação das sul-americanas no EDP Vissla Pro Ericeira, vai começar logo na primeira bateria, com a peruana Arena Rodriguez Vargas enfrentando a havaiana Bettylou Sakura Johnson, a australiana Philippa Anderson e a jovem portuguesa Gabriela Dinis. Depois, tem a atual campeã sul-americana, Sophia Medina, na quinta bateria, Luana Silva na sexta e as também brasileiras Anne dos Santos na nona e Laura Raupp na 11.a. Na seguinte, tem uma participação dupla, com a brasileira Summer Macedo e a peruana Daniella Rosas.

VINTE SUL-AMERICANOS – Na categoria masculina, são dezessete surfistas do Brasil, dois do Peru e um do Uruguai, entre os 96 participantes divididos nas 24 baterias da primeira fase do EDP Vissla Pro Ericeira. Os únicos sul-americanos na lista dos dez surfistas que o ranking do Challenger Series vai classificar para a elite do World Surf League Championship Tour 2023, são os brasileiros Alejo Muniz e João Chianca.

Alejo é o mais bem colocado. O catarinense está em quinto lugar e vai estrear na vigésima bateria, junto com o carioca Lucas Silveira, o neozelandês Billy Stairmand e o francês Ian Fontaine. O saquaremense João Chianca iniciou 2022 como top do CT, mas saiu da elite no novo corte no meio da temporada, implantado esse ano. Ele ocupa a última posição no G-10 do Challenger Series e está na 16.a bateria, com o peruano Alonso Correa, o francês Jorgann Couzinet e Carlos Muñoz, da Costa Rica.

Logo abaixo do João Chianca no ranking, tem o catarinense Mateus Herdy batendo na porta de entrada do grupo dos 10 que se classificam para o CT 2023. Ele foi escalado na nona bateria do EDP Vissla Pro Ericeira, com o australiano Jordan Lawler, o mexicano Alan Cleland e o taitiano ex-top do CT, Michel Bourez. Depois de Mateus Herdy, os sul-americanos mais próximos da zona de classificação para a elite mundial de 2023, são o cearense Michael Rodrigues em 17.o lugar, o peruano Lucca Mesinas em vigésimo e o paulista Deivid Silva na 24.a posição.

ÚLTIMAS ETAPAS – Depois do EDP Vissla Pro Ericeira, que tem prazo até o dia 9 para ser encerrado em Portugal, só terão mais duas etapas para definir os 10 homens e 5 mulheres que irão completar o grupo de concorrentes aos títulos mundiais de 2023. A penúltima será no Brasil, com a estreia do Corona Saquarema Pro apresentado pelo Banco do Brasil nos dias 1 a 8 de novembro na Praia de Itaúna. E, como em 2021, o WSL Challenger Series será encerrado em Haleiwa Beach, entre os dias 26 de novembro e 7 de dezembro no Havaí.

TRANSMISSÃO AO VIVO – O EDP Vissla Pro Ericeira será transmitido ao vivo das ondas de Ribeira D´Ilhas pelo WorldSurfLeague.com e pelo Aplicativo e Canal da WSL no YouTube. Esta quinta etapa do WSL Challenger Series 2022 é realizada com o patrocínio da EDP, Vissla, Turismo de Portugal, Prefeitura Municipal de Mafra, Reserva Mundial de Surf de Ericeira, Estrella Galicia, You & The Sea Hotel e Hertz.

BATERIAS DOS SUL-AMERICANOS NO EDP VISSLA PRO ERICEIRA:

PRIMEIRA FASE – 3.o=49.o lugar (US$ 775 e 300 pts) e 4.o=73.o lugar (US$ 600 e 250 pts):
01: Ezekiel Lau (HAV), Luke Thompson (AFR), Matheus Navarro (BRA), Aritz Aranburu (ESP)
02: Ian Gentil (HAV), Timothee Bisso (FRA), Justin Becret (FRA), Robson Santos (BRA)
05: Dylan Moffat (AUS), Cole Houshmand (EUA), Thiago Camarão (BRA), John Mel (EUA)
06: Michael Rodrigues (BRA), Frederico Morais (PRT), Keanu Kamiyama (JPN), Marco Giorgi (URU)
07: Lucca Mesinas (PER), Brodi Sale (HAV), Eduardo Motta (BRA), Peterson Crisanto (BRA)
09: Mateus Herdy (BRA), Jordan Lawler (AUS), Alan Cleland (MEX), Michel Bourez (TAH)
11: Deivid Silva (BRA), Jett Schilling (EUA), Marco Fernandez (BRA), Kalani Ball (AUS)
15: Liam O´Brien (AUS), Willian Cardoso (BRA), Adin Masencamp (AFR), Wesley Leite (BRA)
16: João Chianca (BRA), Jorgann Couzinet (FRA), Alonso Correa (PER), Carlos Munoz (CRI)
18: Nolan Rapoza (EUA), Edgard Groggia (BRA), Joshua Burke (BRB), Shun Murakami (JPN)
19: Morgan Cibilic (AUS), Alex Ribeiro (BRA), Joshe Faulkner (AFR), Owen Wright (AUS)
20: Alejo Muniz (BRA), Lucas Silveira (BRA), Billy Stairmand (NZL), Ian Fontaine (FRA)
23: Evan Geiselman (EUA), Taichi Wakita (JPN), Ian Gouveia (BRA), Max Elkington (AFR)

PRIMEIRA FASE – 3.a=33.o lugar (US$ 1.000 e 700 pts) e 4.a=49.o lugar (US$ 775 e 600 pts):
01: Bettylou Sakura Johnson (HAV), Philippa Anderson (AUS), Arena R. Vargas (PER), Gabriela Dinis (PRT)
05: Teresa Bonvalot (PRT), Paige Hareb (NZL), Sophia Medina (BRA), Freya Prumm (AUS)
06: Luana Silva (BRA), Dimity Stoyle (AUS), Zoe Steyn (AFR), Carolina Mendes (PRT)
09: Molly Picklum (AUS), Sara Wakita (JPN), Ariane Ochoa (ESP), Anne dos Santos (BRA)
11: Bronte Macaulay (AUS), Minami Nonaka (JPN), Laura Raupp (BRA), Garazi Sanchez Ortun (ESP)
12: Zoe McDougall (HAV), Summer Macedo (BRA), Daniella Rosas (PER), Kailani Johnson (IDN)

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias