Publicidade:

Carlos Muñoz se lesiona em Pipe e fica de fora das etapas de Sunset e Peniche

O surfista estreante do CT (Championship Tour), Carlos Muñoz, vai ficar de fora, pelo menos, das próximas duas etapas da elite, Sunset Beach e Peniche. Ao remar em uma onda, o atleta lesionou o ombro e teve que abandonar a bateria do Round 3 contra o português Frederico Morais e ficou de fora do resto da etapa em Pipeline.

Veja também:

Kelly Slater faz história com vitória no mar épico do Billabong Pro Pipeline

Michael Ho, 64 anos, faz o tubo do dia em Backdoor

Conheça a história dos pioneiros de Pipeline desde Phil Edwards nos anos 60

Nas redes sociais, Munoz afirmou também que vai passar por cirurgia na Califórnia na próxima semana e que não sabe ao certo quando estará recuperado.

O surfista, que tentava a classificação para o CT desde 2009, fez história ao se tornar o primeiro costa-riquenho a conseguir esse feito na categoria masculina. Pelo lado feminino, Brisa Hennessy também conseguiu reconquistar a sua vaga.

No entanto, até alcançar o sonho de competir com os melhores, Muñoz passou por poucas e boas. Em 2021, quando Frederico Morais não pode participar dos Jogos Olímpicos por conta da Covid-19, o costa-riquenho foi convidado para ocupar sua vaga, mas chegou tarde demais em Tóquio e perdeu a oportunidade.

Agora, nesse novo capítulo do seu caminho, ele promete continuar seguindo o lema de seu país, “Pura Vida”.

Além de Muñoz, alguns atletas da elite também estão lesionados. São eles, Yago Dora, Liam O’Brien e Ryan Callinan.

A Hardcore deseja uma boa recuperação ao atleta!

Receba nossas Notícias no seu Email

+Notícias