26 C
Papeete
quinta-feira, 23 maio, 2024
26 C
Papeete
quinta-feira, 23 maio, 2024

Brasileiras caem nas oitavas do Hurley Pro Sunset Beach

Com Tatiana Weston-Webb e Luana Silva fora do campeonato, resta aos fãs brasileiros torcer para que Italo Ferreira mantenha o bom desempenho demonstrado até agora

As mulheres finalmente entraram na água no Hurley Pro Sunset Beach, mas as brasileiras Tatiana Weston-Webb e Luana Silva não foram além das oitavas de final do evento, válido como segunda etapa feminina do World Surf League (WSL) Championship Tour (CT). Em ondas bem formadas de 4-6 pés e séries maiores com até 10 pés, Tatiana perdeu para a francesa Johanne Defay e Luana para a norte-americana Lakey Peterson. As duas terminaram em nono lugar no evento, mas permanecem entre as top-10 do ranking, que serão mantidas na elite no corte do meio da temporada.

Com Tatiana e Luana fora do campeonato, resta aos fãs brasileiros torcer para que Italo Ferreira mantenha o bom desempenho demonstrado até agora. Ele foi o único entre os defensores masculinos da bandeira verde amarela a avançar além das oitavas de final. O surfista potiguar vai fechar as quartas de final dos homens enfrentando Jack Robinson. O “Brabo” já encarou o australiano em cinco baterias em etapas do CT e levou quatro. A última foi na semifinal do Rip Curl WSL Finals de 2022, em Trestles.

+Brasil torce por Italo Ferreira no Hurley Pro Sunset Beach

+Sunset é pra gente grande

A janela do Hurley Pro Sunset Beach vai até quinta-feira, mas a expectativa é de que seja encerrado nesta quarta-feira no Havaí. A primeira chamada para as quartas de final é as 7h45 na ilha de Oahu, 14h45 no Brasil. Quando a competição feminina for retomada, o primeiro duelo seria entre a campeã em Sunset Beach no ano passado e vice-campeã da primeira etapa do CT 2024, em Pipeline, a australiana Molly Picklum, contra a norte-americana Lakey Peterson.

Na segunda quarta de final, a californiana líder do ranking, Caitlin Simmers, entra com a lycra amarela para enfrentar a costa-ricense Brisa Hennessy. Outra norte-americana, a atual campeã mundial Caroline Marks, abre a chave de baixo, que vai apontar a segunda finalista. Sua adversária é a francesa Johanne Defay. E a última vaga para as semifinais, será disputada pela australiana Isabella Nichols e a havaiana Bettylou Sakura Johnson, que marcou a maior nota do dia ontem, numa belíssimo tubo que valeu 9,17.

O Brasil teve um bom começo no evento, com Luana Silva derrotando Caitlin Simmers, que pela primeira vez competia com a lycra amarela de número 1 do ranking, depois da vitória épica no Lexus Pipe Pro. Mesmo batida pela brasileira, a californiana também passou direto para as oitavas de final em segundo lugar. Restou a Sophie McCulloch, a australiana que entrou na vaga da pentacampeã mundial Carissa Moore no CT 2024, seguir para a repescagem.

Tatiana Weston-Webb estreou no último confronto da primeira fase, justamente a bateria em que Bettylou Sakura Johnson conseguiu a maior nota do dia, o 9,17, que garantiu a ela também a segunda maior somatória do evento até agora, 14,04 pontos, que só ficou abaixo dos 14,83 da representante da Costa Rica, Brisa Hennessy, duas baterias antes. A australiana India Robinson também atacou forte uma boa onda para ganhar 7,33 e ficar com a última vaga direta para as oitavas de final. Tatiana terminou em último e praticamente nem saiu do mar, pois já teve que disputar a primeira repescagem, que começou em seguida.

Com a dificuldade em encontra ondas, foi uma bateria complicada, mas Tatiana Weston-Webb conseguiu uma nota 4,33 que ia garantindo a sua primeira vitória em baterias do CT em Sunset Beach. Só que a novata na elite, Alyssa Spencer, tirou um 4,83 para superar a brasileira por 7,76 a 6,73 pontos. Assim mesmo, Tatiana avançou para as oitavas de final, eliminando a convidada desta etapa, Zoe McDougall. Na bateria seguinte, as ondas voltaram a bombar e outra havaiana, Gabriela Bryan, venceu a última repescagem com a segunda maior nota do dia, 9,00.

As oitavas de final foram realizadas no sistema “overlapping heats”, com duas baterias de 40 minutos sendo disputadas simultaneamente. A defensora do título do Hurley Pro Sunset Beach, Molly Picklum, mostrou muito comprometimento para ganhar a primeira vaga nas quartas de final, com notas 7,50 e 7,17. Na metade desse duelo australiano com India Robinson, começou a bateria da brasileira Luana Silva, com a experiente californiana Lakey Peterson. Luana só conseguiu surfar uma onda nos 40 minutos e foi eliminada por um baixo placar de 9,66 a 6,40 pontos.

Tatiana Weston-Webb entrou confiante no sexto confronto das oitavas de final, contra a francesa Johanne Defay, e chegou a liderar o confronto, até a francesa receber um 7,23 manobrando forte numa onda que proporcionou uma extensa parede. A brasileira também pegou uma onda boa, na qual completou uma potente batida vertical de backside para ganhar uma nota 6,00. Mas, sua segunda nota na somatória não foi além de um 4,77 e Johanne Defay terminou à frente por uma pequena diferença de 11,23 a 10,77 pontos.

QUARTAS DE FINAL DO HURLEY PRO SUNSET BEACH:

CATEGORIA MASCULINA – 5.o lugar com US$ 21.500 e 4.745 pontos:
1.a: Kanoa Igarashi (JPN) x Seth Moniz (HAV)
2.a: John John Florence (HAV) x Jordy Smith (AFR)
3.a: Liam O´Brien (AUS) x Ryan Callinan (AUS)
4.a: Italo Ferreira (BRA) x Jack Robinson (AUS)

CATEGORIA FEMININA – 5.o lugar com US$ 21.500 e 4.745 pontos:
1.a: Molly Picklum (AUS) x Lakey Peterson (EUA)
2.a: Caitlin Simmers (EUA) x Brisa Hennessy (CRC)
3.a: Caroline Marks (EUA) x Johanne Defay (FRA)
4.a: Bettylou Sakura Johnson (HAV) x Isabella Nichols (AUS)

RESULTADOS DA TERÇA-FEIRA EM SUNSET BEACH:

OITAVAS DE FINAL – 9.o lugar com US$ 16.000 e 2.610 pontos:
1.a: Molly Picklum (AUS) 14,67 x 11,00 India Robinson (AUS)
2.a: Lakey Peterson (EUA) 9,66 x 6,40 Luana Silva (BRA)
3.a: Caitlin Simmers (EUA) 7,57 x 7,10 Sawyer Lindblad (EUA)
4.a: Brisa Hennessy (CRC) 11,27 x 10,80 Gabriela Bryan (HAV)
5.a: Caroline Marks (EUA) 10,16 x 5,67 Alyssa Spencer (EUA)
6.a: Johanne Defay (FRA) 11,23 x 10,77 Tatiana Weston-Webb (BRA)
7.a: Isabella Nichols (AUS) 14,10 x 13,27 Tyler Wright (AUS)
8.a: Bettylou Sakura Johnson (HAV) 11,40 x 10,73 Sally Fitzgibbons (AUS)

REPESCAGEM – 1.a e 2.a=Oitavas de Final /  3.a=17.o lugar com US$ 14.360 e 1.045 pts:
1.a: 1-Alyssa Spencer (EUA)=7.76, 2-Tatiana Weston-Webb (BRA)=6.73, 3-Zoe McDougall (HAV)=4.53
2.a: 1-Gabriela Bryan (HAV)=14.33, 2-Sawyer Lindblad (EUA)=7.20, 3-Sophie McCulloch (AUS)=4.83

PRIMEIRA FASE – 1.a e 2.a=Oitavas de Final / 3.a=Repescagem:
1.a: 1-Isabella Nicols (AUS)=9.66, 2-Molly Picklum (AUS)=9.30, 3-Gabriela Bryan (HAV)=6.60
2.a: 1-Luana Silva (BRA)=8.60, 2-Caitlin Simmers (EUA)=7.40, 3-Sophie McCulloch (AUS)=5.34
3.a: 1-Sally Fitzgibbons (AUS)=11.17, 2-Caroline Marks (EUA)=6.40, 3-Zoe McDougall (HAV)=4.87
4.a: 1-Brisa Hennessy (CRC)=14.83, 2-Tyler Wright (AUS)=8.94, 3-Alyssa Spencer (EUA)=8.43
5.a: 1-Lakey Peterson (EUA)=12.23, 2-Johanne Defay (FRA)=11.33, 3-Sawyer Lindblad (EUA)=7.60
6.a: 1-Bettylou Sakura Johnson (HAV)=14.04, 2-India Robinson (AUS)=12.03, 3-Tatiana Weston-Webb (BRA)=8.87

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias