Publicidade:

Aos 53 anos, Tony Hawk sofre acidente e quebra o fêmur

O norte-americano Tony Hawk, um dos maiores nomes da história do skate mundial, quebrou o fêmur durante uma sessão de treinos na última terça-feira (8).

Apesar da grave lesão, o skatista mostrou ânimo e confiança em sua recuperação:

“Ontem foi ruim. Quebrei meu cotovelo há 20 anos e consegui ter uma recuperação completa. A recuperação deste fêmur quebrado será muito mais difícil devido à severidade (e da minha idade). Mas eu aceito o desafio”, escreveu Tony Hawk.

Veja também:

Kelly Slater detona primeiro-ministro australiano por conta de enchentes

Dane Reynolds e amigos tirando onda em Rocky Point

Magno Pacheco e Levi Slawson: Entenda o outro lado da história

Aos 53 anos, ele também refletiu sobre os riscos de andar de skate em sua idade às vésperas do lançamento do documentário que aborda sua carreira e a prática do esporte entre skatistas veteranos:

Há uma estranha ironia que isso tenha acontecido na véspera da HBO lançar o trailer de ‘Until The Wheels Fall Off’, documentário de Sam Jones sobre minha vida e carreira, que tem um forte foco na filosofia de como eu/nós fazemos isso na nossa idade.

A resposta é complicada, mas no final das contas é porque encontrei meu senso de propósito e moldei minha identidade através do skate, e isso nutre imensamente minha saúde mental.

Já disse muitas vezes que não vou parar de andar de skate até ficar fisicamente incapaz. Uma perna quebrada – com muitos pinos – provavelmente será um teste para essa crença. Eu estarei de volta… talvez não em plena capacidade, mas eu renunciei a essa noção anos atrás quando me aproximava da “meia-idade”. Obrigado à minha família tolerante e solidária – e a todos vocês – pelo amor e apoio ao longo dos anos; eu não estaria aqui sem você. Vejo você do outro lado”.

Hawk é um dos skatistas mais premiados e vencedores da história do esporte e, sem dúvida, o mais popular e icônico. Ele ganhou 10 medalhas de ouro no Summer X Games e se tornou a primeira pessoa a completar 900 medalhas documentadas. Hawk também empresta o nome à popular série de videogames, que começou em 1999 com Tony Hawk’s Pro Skater.

Receba nossas Notícias no seu Email

+Notícias