Publicidade:

Alimentos para cicatrização: como acelerar o processo

Seja em feridas “simples” – como cortes, ralados e aqueles machucados que ganhamos praticando esporte – ou em cicatrizes mais sérias, como as de pós-cirurgia, os alimentos que comemos têm influência direta na cicatrização.

Leia: 
+ 4 bebidas fáceis e práticas que ajudam na recuperação física
+ 4 alimentos que ajudam na recuperação de lesões

Cicatrizar é o processo que o organismo faz para recuperar e regenerar os tecidos de algum órgão do nosso corpo, como a pele. Quando há algum dano nesses tecidos, iniciam-se as fases da cicatrização.

“A primeira fase é a de inflamação, quando o corpo começa um processo inflamatório no local, aumentando o aporte sanguíneo e o de nutrientes e fazendo com que as células de defesa cheguem mais rápido ao local. Por isso a região machucada fica vermelha, arde e dói”, explica Rodrigo Ferrarese, ginecologista e obstetra.

O processo de cicatrização, de fato, começa em seguida, com o depósito de fibroblastos e colágeno – o que dura de três a quatro semanas, de acordo com o médico. E a última fase é quando o tecido começa a voltar aos eixos normais, o que pode levar meses.

O último passo é o que geralmente reparamos na cicatrização, quando se forma a cicatriz ou queloide, ou então o aspecto da pele volta ao normal.

Alimentos para cicatrização

E o que a alimentação tem a ver com isso? O doutor Rodrigo Ferrarese explica que alguns alimentos ajudam a fornecer os nutrientes necessários para a cicatrização: proteínas, vitamina A, vitamina C e zinco. “Essas substâncias são importantes para a recuperação do tecido porque ajudam na produção de colágeno, além de auxiliarem na defesa do organismo”, afirma.

A vitamina E também é importante para esse processo porque é um antioxidante.

“No caso de cicatrização pós-cirurgia, inclusive, se o paciente faz uma dieta anti-inflamatória antes de operar, ele consegue resultados melhores no processo”, conta o médico.

+ Cansaço: confira 5 alimentos para dar disposição
+ Os falsos alimentos saudáveis: você não vai acreditar nessa lista

Além disso, manter uma dieta adequada é importante para controlar alguma eventual doença do paciente, como diabete ou obesidade, no processo de recuperação.

Os alimentos indicados pelo médico para uma boa cicatrização:

  • Carnes magras (proteína);
  • Peixe (proteína e ômega 3, que é anti-inflamatório e antioxidante);
  • Frutas como laranja, acerola, tangerina e limão (vitamina C);
  • Castanhas e nozes (sais minerais e zinco).

Por outro lado, também existem alimentos que podem prejudicar a cicatrização, por contribuir para o processo infamatório do organismo. São eles: camarão, carne de porco, alimentos industrializados e embutidos, açúcar branco refinado e doces que têm esse açúcar. “Condimentos industrializados também devem ser evitados, como mostarda, ketchup e pimenta”, completa Rodrigo.

O médico lembra que somente a alimentação não é o suficiente para ajudar (ou atrapalhar) o processo de cicatrização. Outros cuidados complementares são necessários, como uso de protetor solar, higiene do local e cuidados gerais com a cicatriz.

Receba nossas Notícias no seu Email

+Notícias