26 C
Papeete
quinta-feira, 23 maio, 2024
26 C
Papeete
quinta-feira, 23 maio, 2024

Ainda dá tempo de inscrever seu documentário de surf no Rocky Spirit 2023

Em 2023, o Rocky Spirit, um dos festivais de cinema mais esperados para os amantes da vida ao ar livre, está de volta com sua 13ª edição. O evento gratuito, que se consolidou como referência na exibição dos melhores documentários nacionais e internacionais recentes sobre esportes radicais, meio ambiente e aventuras outdoor, será realizado em São Paulo nos dias 16 e 17 de setembro, e no Rio de Janeiro nos dias 23 e 24 de setembro.

+ Filipe Toledo garante vaga nas Olimpíadas de 2024
+ Opinião | Tesourada, sem dó

O festival também é uma oportunidade única para os cineastas apaixonados pelo surf mostrarem seu talento e compartilharem histórias inspiradoras com o público. Se você é um videodocumentarista brasileiro, esta é a sua chance de participar do Rocky Spirit. As inscrições estão abertas e vão até o dia 20/07. Para participar, é necessário criar uma conta gratuita no site do festival e preencher todas as informações solicitadas no formulário de inscrição.

Os documentários selecionados serão exibidos durante os eventos presenciais, ao lado dos documentários internacionais premiados, que trazem histórias cativantes de aventuras ao ar livre. E para ampliar o alcance do festival, todas as produções também estarão disponíveis online, de 25 de setembro a 12 de outubro. O acesso ao festival online é também gratuito, permitindo que pessoas de todo o Brasil desfrutem dos filmes.

Ao longo dos anos, o Rocky Spirit tem proporcionado ao público brasileiro a oportunidade de apreciar documentários de alta qualidade que exploram o universo outdoor. E o surf tem sido uma das grandes atrações do festival ao longo dos anos.

Vale a pena destacar alguns filmes de surf que foram premiados em edições anteriores do Rocky Spirit. No ano passado, o filme “Skimboard Nazaré”, dirigido por Loïc Wirth, foi eleito pelo juri como a melhor produção nacional da 12ª edição do festival. O documentário conta a odisseia de Lucas Fink, campeão mundial de skimboard, enquanto ele desafia as gigantes ondas de Nazaré, em Portugal, na prancha da sua modalidade. A coragem e a determinação de Lucas Fink conquistaram o público e o levaram ao sucesso no festival.

Em 2018, o filme brasileiro “Kahe – A Próxima Grande Onda”, dirigido por Wiland Pinsdorf, foi reconhecido como o melhor filme brasileiro no Rocky Spirit. O documentário acompanha a jornada do lendário surfista brasileiro Carlos Burle, que aos 50 anos de idade enfrenta seus maiores medos e reflete sobre sua carreira. Também ambientado em Nazaré, Portugal, palco de grandes marcos em sua vida, Burle encara o desafio das ondas gigantes ao lado de Lucas Chumbo.

O Rocky Spirit 2023 promete trazer mais filmes imperdíveis do universo do surf. O festival é uma oportunidade única para os cineastas do surf compartilharem suas histórias e mostrarem ao mundo a beleza e a emoção do nosso esporte.

Portanto, se você é um cineasta apaixonado pelo surf e deseja ter sua produção exibida no Rocky Spirit 2023, não perca tempo!

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias