26 C
Papeete
quinta-feira, 23 maio, 2024
26 C
Papeete
quinta-feira, 23 maio, 2024

WSL Corona Open J-Bay round eliminatório: Italo lesionado, Kelly revoltado, Jordy iluminado

As ondas chegaram com bom tamanho e muita perfeição, e trouxeram com elas muitas emoções para o WSL Corona Open J-Bay. Valeu cada minuto de sono perdido para quem acordou no meio da madrugada no Brasil para acompanhar. Ainda que Ítalo Ferreira e Caio Ibelli tenham sido eliminados precocemente, o espetáculo foi de primeira linha. Talvez nas melhores condições do ano até o momento, quem se deu mal não foi por falta de chances de mostrar tudo que sabe. Com exceção de Ítalo, que teve que abandonar sua bateria contra Ian Gentil após se lesionar tentando segurar o impacto na aterrisagem de um floater gigantesco.

+ Aparição de tubarão em J-Bay: reação não demonstra tanto medo como se esperaria

O potiguar ex-campeão mundial e medalhista de ouro olímpico precisou ser socorrido pela moto aquática da segurança do evento e foi levado para o bote de primeiros socorros. Retirado do mar pela praia vizinha, Ítalo foi encaminhado para exames, mas até o momento da publicação deste texto nenhum parecer havia sido divulgado. O que é certo é que a participação de Ítalo nas Olimpíadas de Paris 2024 ficou seriamente comprometida, já que pela WSL ele não tem mais chance de classificar.

Italo Lesionado
Kelly Slater ficou revoltado ao ser eliminado do Kelly Slater ao ser eliminado do Corona Open J-Bay. Foto: Beatriz Ryder/World Surf League)

Outro momento que chamou muita atenção do público na praia e daqueles que estavam acompanhando pela internet, foi a revolta demonstrada por Kelly Slater ao ser eliminado do Corona Open J-Bay. No momento em que escutou que a pontuação de sua última onda, na bateria contra o australiano Jack Robinson, não seria suficiente para avançar às oitavas de final, o 11X campeão do mundo socou a água repetidas vezes, claramente demonstrando sua insatisfação com os juízes. Depois ele admitiu que a disputa havia sido muito apertada e qualquer um dos dois poderia ter vencido.

Jordy Smith estava inspirado e acabou eliminando o brasileiro Caio Ibelli. Foto: Beatriz Ryder/ World Surf League

Quem também deve ter tido bastante dificuldade em se conformar com a derrota foi Caio Ibelli. Dói mais perder quando se está surfando muito bem. Ibelli marcou 15,03 na somatória de suas duas ondas na bateria, mas foi superado pelo surfista com a melhor performance do round eliminatório, Jordy Smith. O sul-africano favorito da torcida local tirou duas notas excelentes, um 9,0 e um 8,50, para fazer um total de 17,50, a maior somatória da manhã entre os homens.

Encerrado o round eliminatório masculino, as mulheres deram início à disputa das quartas de finais. Confira aqui a matéria com os resultados completos ao final do dia de competição do Corona Open J-Bay.

O que se sabe sobre a lesão de Italo Ferreira até o momento:

  • Durante a disputa na repescagem contra o havaiano Ian Gentil, Italo Ferreira estava liderando a bateria quando sofreu uma lesão;
  • Ao finalizar a execução de um floater, Italo caiu de mau jeito sobre a prancha;
  • Sentindo fortes dores no joelho, o brasileiro solicitou a assistência de um jet ski para receber atendimento médico fora da água, abandonando a bateria;
  • O surfista brasileiro passará por exames médicos para avaliar a gravidade da lesão.

A competição pode ser acompanhada ao vivo em WorldSurfLeague.com, no canal da WSL no YouTube e no aplicativo gratuito da WSL. Confira mais maneiras de assistir dos parceiros de transmissão da WSL. Para os fãs que assistem no Brasil, a cobertura das quartas de final da competição e além continuará exclusivamente no WorldSurfLeague.com e SporTV.

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias