26 C
Papeete
segunda-feira, 15 julho, 2024
26 C
Papeete
segunda-feira, 15 julho, 2024

Vivo Rio Pro abre a Vila dos Patrocinadores no sábado sem competição em Saquarema

O início do Vivo Rio Pro apresentado por Corona em Saquarema foi adiado no sábado, mas a Vila dos Patrocinadores já ficou aberta para o público se divertir e aproveitar as várias atrações extras da etapa brasileira do World Surf League (WSL) Championship Tour (CT) na Capital Nacional do Surf. A abertura oficial aconteceu as 7h30 na Praia de Itaúna, com a execução do Hino Nacional pelo Grêmio Recreativo e Escola de Samba Unidos do Tigre de Saquarema. Uma nova chamada para a competição foi marcada para as 7h15 do domingo e o show dos melhores surfistas do mundo será transmitido ao vivo pelo Sportv e pelo WorldSurfLeague.com.

O G.R.E.S. Unidos do Tigre executou o Hino Nacional na cerimônia de abertura (Crédito da Foto: @WSL / Daniel Smorigo)

“Estamos no primeiro dia da janela do evento, a direção de prova já decidiu cancelar a competição por hoje e a gente já esperava por isso”, disse Renato Hickel, diretor técnico e vice-comissário da World Surf League. “O swell hoje está na casa do 1 a 2 pés, mas as condições estão ‘clean’, mar limpo, lindo, terralzinho, só que com ondas muito pequenas. A gente vai fazer uma nova chamada amanhã às 7h15, para tentar começar a prova as 7h35. Se der, vamos fazer pelo menos os ‘opening rounds’ (primeira fase) do masculino e feminino. É esperado uma subida do swell e se materializar, vai ter evento amanhã”.

+ Surf injeta quase US$ 3 bilhões anuais na economia australiana, mas picos seguem ameaçados

Apesar das ondas pequenas, alguns surfistas entraram no mar para surfar. Um deles, o campeão do Vivo Rio Pro apresentado por Corona no ano passado, Yago Dora, que festejou a primeira vitória da carreira com a igualmente sua primeira nota 10 em etapas do CT. O aéreo espetacular que completou na final, confirmou o título disputado contra o australiano Ethan Ewing. Yago Dora também é o surfista que mais vestiu a lycra de competição da etapa brasileira em Saquarema desde 2017, disputando 22 baterias e ganhando 16, um incrível índice de 73% de aproveitamento.

Yago Dora atendendo aos fãs depois de sair do mar na manhã do sábado (Crédito da Foto: @WSL / Daniel Smorigo)

“É mesmo? Não sabia disso, legal (risos)”, espantou-se Yago Dora, sobre o seu recorde. Ele comentou sobre o treino que tinha acabado de fazer nas ondas de Itaúna: “Tá mini onda né, na altura do joelho, mas tá bom, foi só pra se molhar mesmo, tá valendo”. Yago também falou sobre a expectativa de defender o título do Vivo Rio Pro em Saquarema: “Estou muito animado pra essa etapa. É um lugar que eu gosto muito de estar, então estou feliz de estar defendendo o título aqui. Vou dar meu melhor pra conseguir levar mais um troféu desse”.

Yago foi vice-campeão da etapa encerrada semana passada em El Salvador e subiu para o oitavo lugar no ranking. Entrou na briga direta por vaga nos top-5, grupo que vai disputar o título mundial no Lexus WSL Finals, em setembro em Trestles, na Califórnia. Além dele, também estão batendo na porta de entrada dos top-5, o tricampeão mundial Gabriel Medina em sexto lugar e o campeão olímpico Italo Ferreira em sétimo. Os três têm chances de ingressar nessa lista agora no Vivo Rio Pro em Saquarema. Depois, só tem mais uma etapa nas Ilhas Fiji para definir os 5 concorrentes ao título mundial de 2024.

Área técnica da arena do Vivo Rio Pro na Praia de Itaúna em Saquarema (Crédito da Foto: @WSL / Daniel Smorigo)

Os três foram escalados para fechar a primeira fase, que classifica o vencedor direto para as oitavas de final, mas com os perdedores têm uma segunda chance na repescagem. Gabriel Medina está na quinta bateria, com o indonésio Rio Waida e o italiano Leonardo Fioravanti. Italo Ferreira entra na sétima, com o californiano Crosby Colapinto e o australiano Liam O´Brien. E Yago Dora faz a sua primeira defesa do título do Vivo Rio Pro na última, contra o californiano Jake Marshall e o sul-africano Matthew McGillivray.

Outros dois brasileiros participam como convidados, Samuel Pupo e o local de Saquarema, João Chianca. Samuca será o primeiro a se apresentar para a torcida na Praia de Itaúna. Ele está na terceira bateria com os australianos Jack Robinson e Ryan Callinan. E o Chumbinho entra na seguinte com o líder do ranking, John John Florence, e o marroquino Ramzi Boukhiam. Na categoria feminina, um número inédito de quatro brasileiras está entre as doze participantes do Vivo Rio Pro apresentado por Corona em Saquarema.

O australiano Jack Robinson também esteve em Itaúna na manhã do sábado (Crédito da Foto: @WSL / Daniel Smorigo)

Se o evento começar pelas mulheres, a estreia do Brasil será em dose dupla na segunda bateria, com Tatiana Weston-Webb e uma das três convidadas, Tainá Hinckel, enfrentando a líder do ranking e campeã da etapa brasileira, Caitlin Simmers. As vencedoras avançam direto para as quartas de final e as outras duas vão para os confrontos eliminatórios da repescagem. Na terceira bateria, tem Sophia Medina estreando em etapas do CT, com a havaiana Bettylou Sakura Johnson e a atual campeã mundial, Caroline Marks. E na última, está Luana Silva com a costa-ricense Brisa Hennessy e a havaiana Gabriela Bryan.

VILA DOS PATROCINADORES – O show dos melhores surfistas do mundo não começou no primeiro dia, mas o Vivo Rio Pro apresentado por Corona abriu as ativações da Vila dos Patrocinadores para o público no sábado. A cidade de Saquarema está lotada desde a sexta-feira e muita gente compareceu na Praia de Itaúna, no lindo dia de Sol e céu azul na Capital Nacional do Surf. Foi o primeiro “day-en”, com muito entretenimento no maior festival de surf da América Latina.

No estande da Vivo, tem uma piscina de ondas artificiais, um balanço para fotografias e distribuição de brindes para quem participar das ativações. No do Banco do Brasil, uma das atrações mais procuradas é a tirolesa e no da Natura Kaiak, o público poderá viver a sensação de surfar em uma prancha mecânica. No estande da Mãe Terra, tem degustação da granola preferida dos surfistas e no da Corona poderão pegar um kit com duas cadeiras de praia e guarda-sol para assistir as baterias. Outros patrocinadores também estão fazendo ativações e todo fim de tarde tem shows musicais no espaço BB Som & Surf.

Praia de Itaúna com ondas pequenas na manhã do sábado em Saquarema (Crédito da Foto: @WSL / Daniel Smorigo)

Vivo Rio Pro apresentado por Corona em Saquarema promove a oitava etapa do World Surf League Championship Tour 2024 com patrocínios  da Vivo, Corona, Red Bull, Banco do Brasil, Secretaria de Esporte e Lazer do Governo do Estado do Rio de Janeiro, Prefeitura Municipal de Saquarema, Natura Kaiak, Bamba, Mãe Terra, Florence, EY, SHISEIDO, YETI, Bonsoy, Eventbrite, Surfline, True Surf e será transmitido ao vivo pelo SportvGloboplayWorldSurfleague.com e Aplicativo da WSL.

PRIMEIRA FASE DO VIVO RIO PRO EM SAQUAREMA:

CATEGORIA FEMININA – 1.a=Quartas de Final /  2.a e 3.a=Repescagem:
1.a: Molly Picklum (AUS), Johanne Defay (FRA), Sawyer Lindblad (EUA)
2.a: Caitlin Simmers (EUA), Tatiana Weston-Webb (BRA), Tainá Hinckel (BRA)
3.a: Caroline Marks (EUA), Bettylou Sakura Johnson (HAV), Sophia Medina (BRA)
4.a: Brisa Hennessy (CRC), Gabriela Bryan (HAV), Luana Silva (BRA)

CATEGORIA MASCULINA – 1.o=Oitavas de Final /  2.o e 3.o=Repescagem:
1.a: Ethan Ewing (AUS), Cole Houshmand (EUA), Connor O´Leary (JPN)
2.a: Griffin Colapinto (EUA), Kanoa Igarashi (JPN), Seth Moniz (HAV)
3.a: Jack Robinson (AUS), Ryan Callinan (AUS), Samuel Pupo (BRA)
4.a: John John Florence (HAV), Ramzi Boukhiam (MAR), João Chianca (BRA)
5.a: Jordy Smith (AFR), Barron Mamiya (HAV), Imaikalani deVault (HAV)
6.a: Gabriel Medina (BRA), Rio Waida (IDN), Leonardo Fioravanti (ITA)
7.a: Italo Ferreira (BRA), Crosby Colapinto (EUA), Liam O´Brien (AUS)
8.a: Yago Dora (BRA), Jake Marshall (EUA), Matthew McGillivray (AFR)

RANKING DA WORLD SURF LEAGUE – 7 etapas:

TOP-20 DA CATEGORIA MASCULINA:
1.o- John John Florence (HAV) – 41.465 pontos
2.o- Jack Robinson (AUS) – 30.725
3.o- Griffin Colapinto (EUA) – 30.515
4.o- Ethan Ewing (AUS) – 27.250
5.o- Jordy Smith (AFR) – 24.790
6.o- Gabriel Medina (BRA) – 24.235
7.o- Italo Ferreira (BRA) – 24.045
8.o- Yago Dora (BRA) – 23.835
9.o- Jake Marshall (EUA) – 22.770
10.o- Crosby Colapinto (EUA) – 22.120
11.o- Rio Waida (IDN) – 21.055
12.o- Barron Mamiya (HAV) – 20.630
13.o- Cole Houshmand (EUA) – 20.630
14.o- Kanoa Igarashi (JPN) – 20.420
15.o- Ryan Callinan (AUS) – 20.130
16.o- Ramzi Boukhiam (MAR) – 20.130
17.o- Matthew McGillivray (AFR) – 19.480
18.o- Liam O´Brien (AUS) – 17.365
19.o- Leonardo Fioravanti (ITA) – 16.800
20.o- Imaikalani deVault (HAV) – 16.800

TOP-10 DA CATEGORIA FEMININA:
1.a- Caitlin Simmers (EUA) – 38.185 pontos
2.a- Caroline Marks (EUA) – 37.745
3.a- Brisa Hennessy (CRC) – 36.885
4.a- Molly Picklum (AUS) – 34.645
5.a- Johanne Defay (FRA) – 34.645
6.a- Gabriela Bryan (HAV) – 32.510
7.a- Bettylou Sakura Johnson (HAV) – 29.935
8.a- Tatiana Weston-Webb (BRA) – 29.015
9.a- Tyler Wright (AUS) – 26.460
10.a- Sawyer Lindblad (EUA) – 25.120

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias