25 C
Papeete
terça-feira, 21 maio, 2024
25 C
Papeete
terça-feira, 21 maio, 2024

Vídeo: Festival de Vacas em Pipeline ensina muito

Entender quais erros não devem ser cometidos em Pipeline pode ajudar bastante aqueles que sonham com a onda mais temida do North Shore

Observar surfistas em ondas completadas com perfeição é uma das maneiras de se aprender o que fazer para aprimorar a própria performance. No espectro oposto, entender quais erros não devem ser cometidos, também ajuda bastante. Nesse sentido, o vídeo abaixo, postado no canal Oahu Surf Films, pode prestar um grande serviço, pois registra 21 wipeouts, como dizem os gringos, ou vacas, no linguajar de praia brasileiro, na onda mais perigosa do North Shore de Oahu, no Havaí. Um verdadeiro Festival de Vacas em Pipeline.

Não se pode dizer que Pipeline teve um inverno excelente. Na verdade, foi no máximo razoável, com alguns dos melhores dias acontecendo já no início da primavera. Assim mesmo, a temporada será lembrada como uma das que causaram mais lesões sérias, com vários surfistas de renome, ou não, saindo direto da água para o hospital. Alguns inclusive indo parar na UTI. Entre os acidentados, João Chianca, Eimeo Czermak, Joaquin del Castillo, Kai Lenny, Koa Rothman e, no swell mais recente, Nathan Florence. 

+Nova vítima de Pipeline segue em recuperação na UTI

+Pipeline não perdoa nem os Nathans

No vídeo, que registra justamente essa ondulação do início da primavera, em 25 de março passado, é possível notar que muitas ondas nas quais o surfista parece estar bem encaixado para completar um tubão, acabam dando errado. É no estudo do detalhe que se nota onde ocorreu a falha que levou ao desastre. Isso quando é possível ver o que aconteceu, pois em alguns casos o surfista está dentro do tubo, fora do campo de visão do espectador, e só o que pode ser percebido é que ele não sai da onda. O que se passou no interior da caverna, só a vítima mesmo para contar depois.

Esse foi o caso do veterano especialista em Pipeline, Nathan Fletcher – não confundir com o xará dele de sobrenome Florence, que também estava na água nessa sessão. Fletcher botou para dentro do tubo que muita gente considerou o mais cascudo do dia e, pela linha feita, deu a impressão que iria sair para a glória. Na próxima cena ele pode ser visto já na praia, carregando debaixo do braço sua prancha partida em dois, com jeito de abalado. Assim mesmo, recebeu comprimentos da galera presente pela coragem demonstrada.

De acordo com vários relatos, o swell, apesar das boas ondas que proporcionou, teve um caráter traiçoeiro. Segundo o vlog de Nathan Florence – que bateu com a cara no recife nesse dia, resultando em nove pontos – a ondulação chegou com um período super longo, causando fortes correntes de retorno e séries surpresa enormes, que acabavam pegando muita gente desprevenido e fora de posição.

Todo mundo gosta de assistir a uma vaca cabulosa. Pode ser por simples curiosidade, para aprender o que não fazer, ou até mesmo por uma diversão sádica. Como Pipeline não economiza violência na hora de ejetar surfistas das ondas nas mais diferentes maneiras, esse vídeo se torna mais relevante ainda. Para aqueles que sonham em surfar Pipeline, vale muito assistir para estarc ciente de como o pesadelo mora logo ali ao lado.



 

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias