Conhecido surfista espanhol Diego Lafuente foi morto a tiros em operação policial contra o tráfico de drogas na ilha de Siargao

Por Redação

O conhecido surfista espanhol Diego Bello Lafuente foi morto nesta última quarta-feira em uma troca de tiros com a polícia das Filipinas, quando a mesma realizava uma operação antidrogas na ilha de Siargao.

Veja também: NASA descobre planeta do tamanho da Terra coberto com Oceanos

Para as autoridades das Filipinas, o surfista espanhol era um “traficante de drogas de alto valor”, e no momento do enfrentamento, portava cocaína e tinha 30 mil pesos filipinos (cerca de R$ 2,4 mil) em bilhetes marcados em Siargao.

Em pronunciamento, a polícia afirmou que Diego Lafuente foi alvejado por tiros em legítima defesa da polícia. O surfista de 32 anos foi baleado e levado ao hospital, mas depois ter a morte oficializada.

A ilha de Siargao surfe na Filipinas

A ilha de Siargao apresenta boas opções de surfe na Filipinas. Foto divulgação

O surfista morava temporariamente na ilha de Siargao, uma ilha no mar de Filipinas bastante popular entre os praticantes do esporte surf, situada 800 km a sudeste de Manila, adjacente à ilha de Mindanao, na província de Surigao del Norte.

Diego Bello tinha negócios relacionados com turismo, e a família por meio da mídia nega qualquer envolvimento do atleta com o tráfico de drogas.

O surfista era torcedor declarado do Deportivo La Coruña da Espanha, e chegou a jogar futebol nas categorias de base do time espanhol. Popular e conhecido em La Corunã, chegou a ser recentemente o garoto-propaganda no lançamento da camisa do clube, temporada 2017-2018.

O clube prestou uma homenagem ao atleta em suas redes sociais:

“Desportista com todas as letras e homem do mar”.