25 C
Papeete
terça-feira, 23 julho, 2024
25 C
Papeete
terça-feira, 23 julho, 2024

Surfista atacado por tubarão no Havaí perde pé direito

A família do surfista de 58 anos mordido por um tubarão na Bacia de Kewalo disse ao canal local KHON2 que ele perdeu o pé direito. Especialistas em vida marinha disseram que é incomum que tubarões ataquem naquela área, mas o tempo chuvoso recente pode ter contribuído para o ataque.

A família identificou a vítima da mordida de tubarão como Mike Morita, que é um surfista regular em Kewalos.

Segundo o Honolulu Emergency Medical Services, Morita foi mordido pouco antes das sete horas da manhã de domingo, 9/4.

Confira: Tubarão faz rotação na frente de surfista no Havaí 

A Ocean Safety aponta que amigos do lineup fizeram um torniquete com os leashes de suas pranchas, o que provavelmente salvou a vida do homem.

Placas ainda foram postadas na manhã de segunda-feira, 10/4, dizendo às pessoas para ficarem fora da água, enquanto salva-vidas e funcionários do Departamento de Terras e Recursos Naturais do Havaí patrulhavam a área. Os surfistas ainda não acreditam no que aconteceu.

“Eu vi a prancha e disse ai meu Deus, nossa, porque ele está tão perto de Ala Moana e nesse momento tem tanta gente na praia”, disse o surfista Felipe Trujillo.

Os surfistas disseram que veem tubarões com bastante regularidade, mas nunca os viram atacar um surfista.

“Sim, todos esses anos tenho surfado. Nunca ouvi falar de ataques de tubarão do lado de Ala Moana, são meio raros”, disse o surfista Eric Kagawa. “Além disso, é super raso lá fora.”

De acordo com o site DLNR, a última vez que um ataque de tubarão foi relatado em Kewalos foi em 2002. Especialistas marinhos disseram que o tempo chuvoso recente pode ter contribuído para o incidente.

Assista: Andy Irons ganha tributo emocionante no que seria seu 44º aniversário

“E é bem na foz do Canal Ala Wai, então toda a água que desce as montanhas e alimenta o Ala Wai estava sendo despejada lá, e isso carrega todos esses aromas e cheiros interessantes e lixo e coisas que irão atrair os tubarões de fora ”, disse Andrew Rossiter, diretor do Waikiki Aquarium.

Autoridades disseram que Morita foi mordido por um tubarão-tigre de 2,5 metros.

Rossiter disse que esses tipos de tubarões são bastante comuns na área.

“Eles os veem praticamente toda vez que estão lá, mas nesta ocasião, era um tubarão de cerca de 2,5 metros de comprimento, provavelmente um adolescente, um pouco menos seletivo no que vai morder”, disse Rossiter.

A família de Morita enviou um comunicado agradecendo aos bravos surfistas, socorristas e funcionários do hospital que salvaram sua vida.

Seu filho acrescentou: “Ele tem um caminho longo e difícil pela frente. Meu pai é um lutador e mesmo que ele esteja enfrentando um revés agora, todos vocês sabem que isso não vai detê-lo.”

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias