Publicidade:

Stephanie Gilmore testa positivo para Covid-19 e é dúvida no Pro Pipeline

A australiana Stephanie Gilmore, sete vezes campeã mundial, testou positivo para covid-19, se encontra em isolamento e agora sua participação no Billabong Pro Pipeline se tornou uma incógnita.

A notícia foi divulgada pela WSL nessa sexta-feira, 28 de janeiro, ironicamente o dia do aniversário de Gilmore, que completa 33 anos de vida.

Sendo assim, a surfista deverá ficar em isolamento, no mínimo, até a próxima segunda-feira, quando será novamente testada e, no caso de um resultado negativa, receberá alta.

A janela de espera do Billabong Pro Pipeline será aberta no sábado, 29 de janeiro e, com isso, Stephanie Gilmore corre o risco de ficar de fora da primeira etapa do Championship Tour de 2022, pois as previsões indicam que a competição deverá ter seu início já no primeiro dia.

Veja também

+ Técnico de Medina, Andy King, irá treinar o time australiano

As 5 melhores ondas de Pipeline na Tríplice Coroa

Tom Carroll, aos 60 anos, quebrando de biquilha

Steph está escalada para  a quinta bateria da primeira fase, onde enfrenta Tyler Wright (AUS) e India Robinson (AUS) e muito provavelmente não entrará na água.

No entanto, mesmo que a prova feminina tenha início no final de semana, a surfista australiana tem uma chance de competir na repescagem, que dificilmente será realizada antes de segunda, uma vez que toda a primeira fase, tanto do Masculino, quanto do Feminino, deverá ocupar toda a janela nos dois primeiros dias de competição.

Vale lembrar que esta será a primeira competição da história do CT disputada do início ao fim em Pipeline.

Baterias da 1ª fase do Billabong Pro Pipeline

Feminino

  • H1: Sally Ftizgibbons (AUS) x Courtney Conlogue (EUA) x Molly Picklum (AUS)
  • H2: Tatiana Weston-Webb (BRA) x Gabriela Bryan (HAV) x Malia Manuel (HAV)
  • H3: Carissa Moore (HAV) x Brisa Hennessy (CRC) x Moana Wong (HAV)
  • H4: Johanne Defay (FRA) x Isabella Nichols (AUS) x Luana Silva (HAV)
  • H5: Stepahnie Gilmore (AUS) x Tyler Wright (AUS) x India Robinson (AUS)
  • H6: Caroline Marks (EUA) x Lakey Peterson (EUA) x Bettylou Sakura Johnson (HAV)

Masculino

  • H1: Jordy Smith (AFS) x Ezekiel Lau (HAV) x Owen Wright (AUS)
  • H2: Griffin Colapinto (EUA) x Liam O’Brien (AUS) x Matthew McGillivray (AFS)
  • H3: Morgan Cibilic (AUS) x Connor O’Leary (AUS) x Caio Ibelli (BRA)
  • H4: Conner Coffin (EUA) x Jake Marshall (EUA) x Barron Mamiya (HAV)
  • H5: Italo Ferreira (BRA) x Callum Robson (AUS) x Miguel Tudela (PER)
  • H6: Filipe Toledo (BRA) x Samuel Pupo (BRA) x Ivan Florence (HAV)
  • H7: Kanoa Igarashi (JAP) x Seth Moniz (HAV) x Carlos Munoz (CR)
  • H8: Frederico Morais (POR) x Miguel Pupo (BRA) x Jackson Baker (AUS)
  • H9: John John Florence (HAV) x Jadson Andre (BRA) x Joao Chianca (BRA)
  • H10: Jack Robinson (AUS) x Kelly Slater (EUA) x Lucca Mesinas (PER)
  • H11: Kolohe Andino (EUA) x Ethan Ewing (AUS) x Imaikalani deVault (HAV)
  • H12: Leonardo Fioravanti (ITA) x Deivid Silva (BRA) x Nat Young (EUA)

Receba nossas Notícias no seu Email

+Notícias