Publicidade:

Ressaca no RJ provoca resgate tenso no Brasileiro de Bodyboard

A forte ressaca que atingiu a costa do Rio de Janeiro nessa Páscoa trouxe momentos de tensão à primeira etapa do Circuito Brasileiro de Bodyboard.

A competição, que está sendo realizada na praia de São Conrado, conhecida por suas ondas pesadas e tubulares, foi palco de um resgate impressionante na sexta-feira.

Um vídeo que viralizou nas redes sociais mostra um salva-vidas sendo arrastado por uma onda. Posteriormente, ele saiu da água com a ajuda do competidor Renan Souza. Ninguém ficou ferido no incidente.

Veja também:

WSL diz que manterá o corte do meio do ano

Mulheres viram surfistas e provocam revolução silenciosa no Sri Lanka

Surf e o valor do tempo em ‘Days Within a Day’ [VÍDEO]

O drama teve início quando um atleta foi puxado pelas fortes correntes em direção ao canto esquerdo da praia, próximo às pedras. Dudu Pedra, bodyboarder conhecido por surfar ondas grandes em Itacoatiara e que trabalha como juiz no evento, o São Conrado Classic, pegou uma prancha e entrou na água acompanhado de outro bodyboarder, João Zik, para ajudar o atleta em apuros.

O menino estava quase em choque, quase nas pedras. Levamos ele para o outside, onde as ondas não estavam quebrado. Não vi quando o salva-vidas entrou na água, mas ele tentou sair pelas pedras e foi arrastado. Aí o Renan pulou na água com a prancha e o ajudou. Os dois também nadaram até o fundo e saíram com a ajuda do helicóptero”, disse Dudu Pedra à reportagem do jornal O Globo.

O Circuito Brasileiro de Bodyboard 2022 começou nesta semana, no Rio de Janeiro. O São Conrado Classic conta com premiação de R$ 35 mil, tem disputas nas categorias profissional, amador, master, sub-18 e PCD. O circuito terá ainda etapas em Itacoatiara (Niterói-RJ), Itapema (SC), Regência (Linhares-ES) e Ceará.

Fonte: O Globo

Receba nossas Notícias no seu Email

+Notícias