26 C
Papeete
quinta-feira, 23 maio, 2024
26 C
Papeete
quinta-feira, 23 maio, 2024

Um dos melhores surfistas brasileiros (ainda desconhecido)

Você conhece o surfista brasileiro Raphael Castro? Provavelmente, não. Mas não se preocupe, muita gente (ainda) não está familiarizado com esse nome, apesar de seu talento nas ondas.

Filho de brasileiros, Raphael tem atualmente 19 anos e nasceu na Califórnia (EUA). Aos 12 ele se mudou para o Rio de Janeiro. Adotando o Arpoador como seu “home break”, passou a competir nas categorias de base e rapidamente se destacou.

No entanto, seu foco gradualmente foi se direcionando para o free surf, acompanhando seu pai em surf trips ao redor do mundo. A lista é grande: Estados Unidos, América Central, México, Havaí, Austrália e Indonésia.

+ Tom Curren está de volta às competições

Nos últimos anos ele se mudou para Bali, onde trabalha como modelo da agência Castaway Model Management e, claro, aproveita a oportunidade para surfar as ondas perfeitas da Indonésia.

Como não poderia deixar ser, a qualidade de seu surf tem chamado a atenção e não faltam comentários enaltecendo seu talento.

Jordan Heuer, gerente do Kandui Villas, um dos melhores resorts de surf do mundo, localizado nas Mentawai, passou as últimas duas décadas acompanhando nomes de peso do cenário internacional em ação nas ondas de Kandui.

raphael castro surfista brasileiro
“Raphael surfa as ondas de Mentawai de igual para igual com os melhores do mundo”, conta Jordan Heuer, gerente do Kandui Villas, que ofereceu um “free pass” ao brasileiro por conta de seu talento e educação. Foto: Kandui Villas / Reprodução

“Raphael surfa as ondas de Mentawai de igual para igual com os melhores do mundo”, conta Heuer, que ofereceu ao brasileiro um convite para treinar ali por tempo indeterminado.

+ Open J-Bay 2023: Brasileiros estreiam bem na África do Sul

“Acho que nunca o ouvi nada negativo sobre ele, nada”, diz Heuer, ao site The Inertia, sobre a postura educada do jovem brasileiro.

Mesmo vivendo uma “vida de sonho”, surfando algumas das melhores ondas do mundo e conquistando respeito dos locais, Raphael Castro ambiciona competir no circuito mundial.

Seu pai, Luiz Castro, disse ao The Inertia que “Rapha quer competir (no circuito mundial) porque quer melhorar, estar no seu melhor”, diz Luiz, que completa: “Ele surfa melhor sob a pressão da competição.”

Atualmente sem patrocínio, Raphael Castro planeja competir em etapas do QS da Ásia em busca da meta de chegar ao CT.

Contudo, numa era em que empresas dão mais valor ao número de seguidores em redes sociais, do que ao talento, bancar os elevados custos para se manter competindo no circuito mundial será um desafio e tanto sem a ajuda de um patrocinador.

Porém, assistindo a “Saga”, que aborda a temporada de 2022 do brasileiro na Indonésia, você fica com a impressão de que mesmo não sendo um “influencer” com milhares de seguidores, o talento de Raphael Castro será o suficiente materializar seu sonho de se tornar um surfista profissional do CT. Assista:

 

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias