28 C
Papeete
domingo, 19 maio, 2024
28 C
Papeete
domingo, 19 maio, 2024

O dia em que Kelly Slater devia ter se aposentado

A maioria de seus fãs, desejando o melhor para o ídolo, adorariam ter visto ele sair por cima, fechando a carreira de uma maneira gloriosa

O dia 16 de abril de 2024 já entrou para a história como aquele em que Kelly Slater se aposentou do Circuito Mundial. Ou melhor, foi aposentado, com sua eliminação no corte do meio do ano do CT, ao ser derrotado no round de 32 do Margaret River Pro, por Griffin Colapinto, em ondas decepcionantes. Foi uma despedida melancólica para o maior surfista de todos os tempos. O dia em que Kelly Slater devia ter se aposentado foi o da sua espetacular vitória no Billabong Pro Pipeline 2022.

Com depoimentos emocionantes de Kelly Slater, sua namorada Kalani Miller, e alguns dos mais respeitados comentaristas de surf, esse vídeo registra um momento histórico que vale ser visto e revisto muitas vezes.

Em 5 de fevereiro de 2022, Kelly Slater fez o que  a maioria das pessoas considerava impossível. Seis dias antes de comemorar 50 anos de idade, em condições épicas na onda mais desejada do mundo, ele chegou ao lugar mais alto do pódio após um longo hiato sem vencer um campeonato. Desde 2016 ele não ganhava um evento do CT – o último havia sido o Billabong pro Tahiti, derrotando John John Florence na final. Em Pipeline, onde ele já era o recordista de vitórias, com 7 coroas do Pipe Masters levadas para casa, a mais recente havia sido conquistada em 2013.

+Superfreak! Kelly Slater é o campeão do Billabong Pro Tahiti

Em 2022, Kelly Slater já era dado como carta fora do baralho no CT, a não ser que se tratasse de ondas como Teahupoo e Pipeline. Foi justamente na sua onda favorita, na frente da qual ele tem sua casa e experimentou alguns dos momentos mais marcantes de sua carreira – “o lugar que me deu minhas memórias favoritas e os maiores prazeres da minha vida” – que o sonho de mais uma vitória que Kelly tanto perseguia se realizou. Ele mesmo classificou com a maior de todas em sua insuperável carreira e a expectativa era grande de que ele viesse a anunciar sua aposentadoria naquele dia, logo ao sair da água, ou talvez durante a cerimônia de premiação.

Kelly deixou as lágrimas escorrerem em cada um dos momentos que foi entrevistado e, quando subiu ao pódio, agradeceu a todos presentes e ao universo por tudo que a vida concedeu a ele. Mas o anúncio da aposentadoria não ocorreu. Não que as pessoas estivessem cansadas de ver Kelly surfando nos eventos da WSL, a audiência continuava subindo sempre que ele entrava na água, mas com certeza seus fãs, desejando o melhor para o ídolo, adorariam ter visto ele sair por cima, fechando a carreira de uma maneira gloriosa. 

+Ao sair do mar eliminado do CT Kelly Slater merecia mais

Não foi o que aconteceu, mas no vídeo postado acima é possível reviver em detalhes o dia em que Kelly Slater devia ter se aposentado, e quem sabe ficar com essa memória como a última de Kelly competindo em tempo integral no CT da WSL. Certamente ele ainda será convidado para alguns eventos, muito provavelmente o de Fiji ainda este ano, onde muita gente está supondo que ele será homenageado à altura de seu legado. 

Mas as cenas de sua vitória no Billabong Pro Pipeline nunca serão superadas. Ali, na onda mais icônica do planeta, aconteceu sua verdadeira despedida.



Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias