Publicidade:


Publicidade:

JJ Florence dá adeus ao Newcastle Cup e Filipinho voa alto

Em seu terceiro dia o Rip Curl Newcastle Cup, segunda etapa do Championship Tour (CT), colocou os melhores surfistas do mundo em ação.

As ondas em Merewether Beach mais uma vez apresentaram formação regular com séries de um metro e algumas maiores. Um pouco frustrante para quem está acostumado a assistir a disputas em lugares como Pipe ou Teahupoo, porém, sinal dos tempos.

A maior surpresa do dia foi a eliminação do havaiano John John Florence para o novato Morgan Cibilic (AUS).

John John Florence. Foto: WSL

Mesmo competindo com uma lesão no pé, Cibilic surfou com muita vontade e energia, totalizando 17.13 pontos (de 20 possíveis), enquanto Florence, errando bastante em finalizações e escolhendo mal as ondas, acabou eliminado com uma pontuação combinada de 13.16. O jovem aussie de 21 anos avança enfrenta o compatriota Wade Carmichael na próxima rodada.

Entre os brasileiros, tivemos quatro eliminações: Caio Ibelli Miguel Pupo, Alex Ribeiro e Peterson Crisanto deram adeus à competição.

Deivid Silva encarou Caio Ibelli na única bateria da terceira fase formada por dois brasileiros.

Miguel Pupo. Foto: WSL

Em meio a ondas fracas e com poucas séries, Deivid conseguiu encaixar bem suas manobras de backside e soube escolher melhor as ondas.

Caio não surfou mal, porém, pecou na escolha das ondas e acabou eliminado por Deivid que enfrentará o japonês Kanoa Igarashi na próxima rodada.

Nas demais baixas brasileiras, Alex Ribeiro foi eliminado por Jordy Smith (RSA), Miguel não conseguiu passar por Owen Wright (AUS) e Peterson Crisanto caiu diante de Conner Coffin (EUA).

Brazucas no páreo

Adriano de Souza. Foto: WSL

Apesar das baixas, seis brasileiros seguem firmes na disputa. Na bateria de abertura, o bicampeão mundial Gabriel Medina teve uma vitória sólida contra Connor O’Leary (AUS).

Medina parecia rápido e afiado no seu caminho para a vitória, dando crédito à sua abordagem atual ao seu novo técnico Andy King.

Adriano de Souza (BRA), que disputou sua 500ª bateria no comemorou a façanha com uma vitória sobre Jeremy Flores (FRA) e enfrentará Julian Wilson (AUS).

Mineiro que faz sua despedida do CT está inspirado e promete dar muito trabalho aos competidores este ano.

O atual campeão mundial, Italo Ferreira (BRA), competiu com o wildcard do Merewether Surfboard Club, Jackson Baker (AUS).

Gabriel Medina. Foto: WSL

Ao contrário do que se imaginava, foi uma disputa apertada. Italo derrotou o herói local por apenas 1.60 pontos, estendendo a sua liderança na sua última onda. O brasileiro terá agora pela frente o californiano Griffin Colapinto (EUA).

Yago Dora, venceu Jack Freestone (AUS) com uma virada emocionante. O australiano começou mais encaixado no pico, surfando fácil, e largou na frente com 4.50 pontos. O brasileiro, contudo, foi entrando no ritmo e se aproximando do aussie no placar.

Assim, quando restavam 6 minutos para o fim, Yago surfou uma onda durante a prioridade de seu adversário, acelerou e voou num reverse de backside. A atuação valeu 7.17 e a liderança na bateria. Jack passou a precisar de 5.23, mas não chegou perto e foi eliminado.

Filipe Filipinho Toledo deu show na última bateria do dia. Com um surfe de borda apurado e decolagens perfeitas, o brasileiro derrotou o italiano Leonardo Fioravanti, “bicho papão” do dia anterior e dono da maior nota da segunda fase do evento (nota 9).

Yago Dora. Foto: WSL

O italiano surfou bem, mas não o suficiente para vencer Filipinho que somou 8.23 e 8.00, e que deixou Leonardo precisando de 9.80 pra reverter o placar. A média de 16.23 foi a segunda maior do dia e de toda a etapa até o momento.

Filipe e Yago se enfrentarão agora nas oitavas de final. Dois dos maiores aerealistas do mundo em um confronto que promete ser épico.

A próxima chamada para a Newcastle Cup acontece nesta quinta-feira brasileira, às 17h45 (de Brasília).

Rip Curl Newcastle Cup 2021

Terceira fase masculina

Gabriel Medina (BRA) 12.16 x 9.60 Connor O’Leary (AUS)
2 Frederico Morais (POR) 12.10 x 11.20 Adrian Buchan (AUS)
Adriano de Souza (BRA) 10.93 x 7.40 Jeremy Flores (FRA)
4 Julian Wilson (AUS) 11.67 x 4.00 Jack Robinson (AUS)
5 Morgan Cibilic (AUS) 17.13 x 13.16 John John Florence (HAV)
6 Wade Carmichael (AUS) 12.17 X 11.67 Seth Moniz (HAV)
7 Ryan Callinan (AUS) 11.40 x 11.06 Crosby Colapinto (EUA)
8 Owen Wright (AUS) 9.60 x 9.00 Miguel Pupo (BRA)
Italo Ferreira (BRA) 12.80 x 11.20 Jackson Baker (AUS)
10 Griffin Colapinto (EUA) 11.43 x 10.50 Michel Bourez (TAH)
11 Kanoa Igarashi (JAP) 10.83 x 8.50 Ethan Ewing (AUS)
12 Deivid Silva (BRA) 10.50 x 8.74 Caio Ibelli (BRA)
13 Jordy Smith (AFR) 11.50 x 10.40 Alex Ribeiro (BRA)
14 Conner Coffin (EUA) 11.84 x 11.37 Peterson Crisanto (BRA)
15 Yago Dora (BRA) 12.84 x 10.83 Jack Freestone (AUS)
16 Filipe Toledo (BRA) 16.23 x 12.56 Leonardo Fioravanti (ITA)

Oitavas de final

Gabriel Medina (BRA) x Frederico Morais (POR)
Adriano de Souza (BRA) x Julian Wilson (AUS)
3 Morgan Cibilic (AUS) x Wade Carmichael (AUS)
4 Ryan Callinan (AUS) x Owen Wright (AUS)
Italo Ferreira (BRA) x Griffin Colapinto (EUA)
6 Kanoa Igarashi (JAP) x Deivid Silva (BRA)
7 Jordy Smith (AFR) x Conner Coffin (EUA)
Yago Dora (BRA) x Filipe Toledo (BRA)

Receba nossas Notícias no seu Email

+Notícias

IT’S ON! Acompanhe ao Narrabeen...

  https://www.youtube.com/watch?v=PaxVKz5CEJI CLIQUE AQUI E ACOMPANHE AO VIVO (OU CLIQUE ACIMA). Rip Curl Narrabeen Classic chega à...

Italo Ferreira e o aéreo...

Em seu pós-bateria, Italo Ferreira vai até o armário dos competidores, coloca sua prancha...

Treino na Jaguaruna em véspera...

A equipe dos Jaguaboys realizou mais uma expedição off-shore em busca das grandes ondas...

“Parei com carne vermelha e...

O Circuito Mundial de Surf de 2021 começou com muitas mudanças para Gabriel Medina. Como...