Publicidade:

Itacaré terá primeiro Centro de Treinamento de Surf do Norte-Nordeste do Brasil

A praia de Tiririca, em Itacaré, Bahia, ganhará o primeiro Centro de Treinamento de Surf do Norte-Nordeste do Brasil. Itacaré já foi palco de grandes competições, como a realização de sete edições de eventos da Liga Mundial de Surf, a WSL, e está entre um dos picos preferidos de surfistas brasileiros.

O CT contará com estrutura equipada com sala de simulação de surf e fisioterapia, auditório, academia, local para guardar pranchas além de centro técnico para realização de competições nacionais e internacionais. A segunda etapa de obras prevê a construção de dormitório para atender delegações de atletas de outras cidades.

>>> Tecnologia pode salvar corais no Nordeste do Brasil 

O investimento no projeto é de R$ 583 mil e o Governo da Bahia, por meio da Superintendência dos Desportos do Estado (Sudesb), autarquia da Secretaria do Trabalho e Esporte (Setre), firmou convênio com Consórcio de Desenvolvimento Sustentável do Território Litoral Sul- CDS-LS, para garantir o apoio financeiro da construção do equipamento esportivo.

Segundo o diretor-geral da Sudesb, Vicente Neto, este será um importante equipamento esportivo anunciado pelo Governo do Estado nos últimos dois anos.

>>> Ferido nos corais? Confira como cuidar do machucado

“Neste período, obras para a melhoria da infraestrutura esportiva dos baianos estão sendo construídas e autorizadas pelo Governo do Estado num investimento estimado em 213, 7 milhões de reais. Ao todo, são 206 obras previstas, atendendo a 164 municípios baianos. Tenho certeza que, com a construção do Centro de Surf de Itacaré, a Bahia dará importante salto para o surgimento de novos talentos em busca de um sonho olímpico no surf”, disse o diretor da autarquia do esporte.

Para Marcelo Barros, presidente da Federação Baiana de Surf (FBSURF), “com o CT de Surf em Itacaré, o trabalho que será realizado desde o fomento até o alto rendimento com profissionais multidisciplinares, treinadores, nutricionistas, fisioterapeutas e psicólogos, garantirá apoio fundamental para o desenvolvimento dos nossos atletas”.

Segundo Marcelo, a ideia é atender atletas vindos de toda a Bahia, o que vai tornar o Centro de Surf referência para outros estados. “O CT de Surf vai servir tanto para o município como também para atletas de todo o Brasil que queiram fazer estágios e passar temporadas em um dos melhores picos de surf brasileiro. Em Itacaré, as praias proporcionam as melhores condições de surf da Bahia e do Nordeste”, garante.

Campeonato Baiano 

O calendário baiano da modalidade será realizado a partir deste segundo semestre de 2022. Com apoio da Sudesb, a Federação Baiana de Surf vai realizar o Bahia Surf Festival 2022 que acontecerá em três etapas, em Salvador, Itacimirim e Imbassaí.

Fonte aloalobahia.com

Receba nossas Notícias no seu Email

+Notícias