27 C
Papeete
domingo, 21 julho, 2024
27 C
Papeete
domingo, 21 julho, 2024

Governo da Austrália Ocidental investe em bancada artificial

Com o objetivo de evitar o êxodo da sua população jovem, a cidade de Albany, na Austrália Ocidental, aposta na criação de suas próprias ondas perfeitas

Middleton Beach, na Austrália Ocidental, quer entrar no mapa das ondas perfeitas. Apesar de estar situada no maior estado do país, com um extenso litoral e famoso por suas ondas espetaculares, essa praia da cidade ide Albany deu azar com a geografia e deixou seus surfistas desprovidos de um pico decente para o surf. Para suprir essa carência, um novo projeto para produzir bancadas artificiais foi anunciado pelo Departamento de Indústrias Primárias e Desenvolvimento Regional.

No comunicado oficial o governo regional declara que: “Estamos orgulhosos de apoiar este projeto incrível para ajudar a impulsionar o turismo e os benefícios económicos para a comunidade. O recife será construído a partir de rocha extraída localmente, melhorando as condições do fundo do mar e quebrando as ondas para criar uma onda mais consistente e surfável. A cidade de Albany, em colaboração com as autoridades locais, empreende um programa de monitorização costeira de classe mundial. Estes dados incluem ondas, correntes, níveis de água, perfis de praia, levantamentos de drones, levantamentos batimétricos, dados geotécnicos, tamanhos de grãos de sedimentos, distribuição de ervas marinhas e fotografias aéreas”.

E segue explicando que “o conceito de um recife artificial de surf em Albany existe há pelo menos 20 anos e tem sido fortemente impulsionado pela comunidade. Atualmente, os locais de surf adequados mais próximos de Albany estão a cerca de 30 minutos de carro e geralmente são inadequados para iniciantes e surfistas juniores. Com a falta de transporte público disponível para chegar a locais apropriados (como por exemplo, Mutton Bird o Nanarup), oportunidades para surfar são limitadas, especialmente para os jovens. Os picos locais atuais estão isolados e não são patrulhados. Permitir que essas atividades sejam
realizado em Middleton Beach melhorará a segurança através do aumento do monitoramento e proximidade com o Albany Surf Life Saving Club e instalações médicas e de emergência”.

Concluindo que “a cidade de Albany espera atrair e reter uma população de uma geração mais jovem, que atualmente tende a se mudar para áreas metropolitanas onde existe uma variedade maior de instalações recreativas. Espera-se que o recife de surf artificial será uma atração significativa que ajudará a reter esse grupo demográfico, bem como expandir as comodidades recreativas para moradores e visitantes”.

O projeto, que complementa também outras iniciativas na região, com o objetivo de ampliar e desenvolver ativos e experiências de turismo de aventura e diversificar e fazer crescer a economia regional, é um excelente exemplo de governantes dando prioridade aos verdadeiros interesses da comunidade. Seria bom se autoridades responsáveis pelo planejamento em cidades brasileiras à beira mar estudassem tudo que está envolvido num projeto como esse e buscassem viabilizar iniciativas similares em nosso extenso litoral, agraciado por ondulações constantes, mas no qual faltam mais bancadas de qualidade.

Nos últimos tempos, o assunto bancadas artificiais perdeu força na comunidade do surf. Em parte pelos poucos projetos que conseguiram sair do papel não terem apresentado os resultados esperados. Mas também por iniciativas do tipo terem sido atropeladas pela febre das piscinas de ondas artificias, que partem de um conceito diferente, mas tem o mesmo objetivo final, de fornecer diversão a surfistas sem boas ondas próximas de onde vivem. A maior vantagem das bancadas artificiais é que, quando criadas e reimplantadas de maneira correta, elas podem contribuir para a preservação do meio ambiente, ao contrário das piscinas de ondas, que vem crescendo vertiginosamente na contramão da natureza.

+Uma rasteira em Netuno

Principais benefícios

Criar uma onda surfável consistente para Albany acessível por transporte público. Atrair e reter uma geração mais jovem. Entregar benefícios relacionados ao desenvolvimento econômico, social e à saúde. Obter resultados ecológicos, ambientais e de segurança.
Disponibilizar um atrativo turístico significativo na temporada de inverno de Alban. Entregar um projeto recreativo que contribui para a habitabilidade de Albany e reputação como um dos principais destinos turísticos da WA, ajudando a criar uma cidade regional mais habitável. Além de possibilitar uma oportunidade para Albany ser reconhecida como uma cidade surf, com um agrupamento de múltiplos picos de surf reconhecidos na região (a única outra cidade surf do estado sendo Margaret River), que possam atrair eventos de alta qualidade.

Fonte: carvemag.com

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias