Publicidade:

Italo Ferreira: “Gabriel foi o melhor do campeonato”

Quase que Gabriel Medina retornou com vitória no circuito mundial da WSL após o sabático primeiro semestre, mas o australiano Jack Robinson, seu algoz na semifinal, venceu Filipe Toledo nos instantes finais da final e assim celebrou a vitória no Pro G-Land, deixando Filipinho com o vice e Medina com o terceiro lugar.

Confira:
+ A chegada do surf profissional em G-Land
+ Uma rápida retrospectiva de Filipe Toledo pela WSL

O acontecimento provocou uma onda polêmica nas redes sociais; centenas de entusiastas do surf questionaram o resultado que favoreceu o australiano Robinson e também o potiguar Italo Ferreira acendeu essa chama com a seguinte twittada após o término da etapa: “Gabriel foi o melhor do campeonato!”, escreveu Ferreira (veja abaixo).


Italo Ferreira, campeão olímpico e atualmente em sexto lugar no ranking mundial, afirmou que Gabriel Medina foi o melhor surfista da etapa, apesar da derrota para o australiano. Vale lembrar que Robinson, campeão da etapa, agora é segundo do ranking.

Na bateria da semi-final do Pro G-Land, Medina vencia o confronto e tinha prioridade na última série que entrou na bateria. Gabriel optou em pegar a primeira onda, tirou um 7, mas o australiano veio na de trás, conseguiu um 7,83 e venceu o duelo por 13,90 a 13,33.

A partir do anúncio do resultado, pipocaram uma enxurrada de comentários dizendo que Medina teve sua nota achatada (a 7.00 especificamente; a onda em que Medina veio entubando e deu duas sapatadas chutando a rabeta) em comparação com o 7.83 de Robinson da virada).

Esses comentários, inclusive, assinalavam o fato de que a WSL estaria favorecendo Robinson ao título mundial esse ano.

Abaixo você confere os melhores momentos da bateria de Medina e Robinson:

Abaixo, assista ao recap da bateria de Robinson contra Filipinho:

E aí, algum palpite? Você concorda com o que disse Italo Ferreira em seu Twitter?

Agora o circuito mundial vai para El Salvador, que sedia o El Salvador Pro de 5 a 20 de junho; na sequência chega à Saquarema, cuja janela de espera vai de 23 a 30 de junho; lembrando que a etapa carioca não acontece desde 2020 por conta da pandemia do coronavírus.

Filipe Toledo é o primeiro do ranking, seguido por Jack Robinson, John John Florence, Kanoa Igarashi e Ethan Ewing, em quinto lugar.

Acompanhe as atualizações em nosso site.

Receba nossas Notícias no seu Email

+Notícias