Fora do CT após dois anos, guarujaense Jessé Mendes não tem contrato renovado com a Quiksilver e fica sem patrocínio de bico

Por Redação HC

O guarujaense Jesse Mendes anunciou neste domingo (5) que não teve renovado seu contrato com a Quiksilver. Ele tinha o patrocínio principal da marca desde 2011, quando entrou para a equipe aos 18 anos como uma das grandes promessas do surf brasileiro.

Veja também: Filipe Toledo anuncia contratação do manager Luiz Henrique “Pinga”

Ele comunicou a decisão por meio de um vídeo postado em sua conta no Instagram, em que aparece tirando o adesivo da marca do bico da prancha.

“Novo ano se inicia, alguns ciclos na vida terminam e hoje informo que o meu com a Quiksilver terminou”

Após alguns anos batendo na trave, Jesse Mendes entrou para a elite mundial em 2018 após uma campanha excelente no QS em 2017. Suas atuações na elite mundial, entretanto, em poucas vezes chegaram a corresponder à expectativa em torno da qualidade de seu surf.

Ele conseguiu a requalificação para a temporada de 2019 com uma excelente atuação nas últimas duas etapas do circuito de qualificação, Sunset e Haleiwa — atuação que lh rendeu a maior conquista da carreira, o título da Tríplice Coroa Havaiana, equiparado por apenas mais um brasileiro, Gabriel Medina.

Neste ano, entretanto, ele não conseguiu os pontos via QS e voltará a disputar o circuito de acesso em 2020.

Veja também: Sem brasileiros, QS começa com inédita etapa de 5 mil pontos na China