26 C
Papeete
domingo, 19 maio, 2024
26 C
Papeete
domingo, 19 maio, 2024

Expectativa para retomada do Lexus Pipe Pro é grande

Mas fica a questão, se Pipeline estiver quebrando acima de 10 pés, será que a WSL vai colocar as mulheres na água?

Como previsto, durante o final de semana Pipeline não apresentou as condições necessárias para a retomada do Lexus Pipe Pro. Por isso todos os olhos estando voltados para como o mar deve amanhecer nessa segunda-feira, 5 de fevereiro. No domingo à tarde já era possível constatar os primeiros sinais de que a tão aguardada ondulação de noroeste começava a encostar, mas o ventos ainda não estavam cooperando. A expectativa para a retomada do Lexus Pipe Pro é grande, com a segunda-feira prometendo ondas de até 12 pés e vento terral o dia inteiro.

Com o intervalo longo entre as ondas e possíveis séries quebrando na segunda bancada de Pipeline, os competidores devem se preparar para enfrentar condições ainda mais desafiadoras do que as do primeiro dia do evento, que contou com bons tubos mas não foi uma daqueles dias de meter medo de verdade, pelo qual o pico é tanto conhecido. Para o 11 x campeão mundial Kelly Slater, e também maior vencedor em Pipeline, com oitos vitórias, ondulações com intervalo alto não são as ideais para a rainha das ondas mostrar o seu melhor.

+Lexus Pipe Pro abre Circuito Mundial 2024 com um show de tubos

Mulheres ou homens na água?

Como as mulheres ainda não tiveram a chance de iniciar sua participação no Lexus Pipe Pro, tudo indica que, as condições permitindo, o evento será reiniciado com a primeira bateria feminina do Circuito Mundial 2024 da WSL, entre a campeã mundial australiana Tyler Wright , a surfista local Bettylou Sakura Johnson, e a estreante brasileira Luana Silva. Dá para imaginar o quanto Luana deve estar ansiosa com sua primeira participação na elite acontecendo em Pipeline. Ainda mais contra duas adversárias de alto calibre. Mas fica a questão, se Pipeline estiver quebrando acima de 10 pés, será que a WSL vai colocar as mulheres na água?

Com certeza o que não vai faltar é emoção, seja com a estréia das mulheres ou os homens já disputando vagas nas oitava de final. A primeira chamada vai ocorrer às 7h45 da manhã horário local, com possibilidade de início às 8h03. Aqui no Brasil os fãs devem se conectar à partir das 14h45 para saber o que o dia reserva. Sem dúvida vai ter muita gente ligada, já que a expectativa para a retomada do Lexus Pipe Pro é grande, do tamanho das ondas esperadas.

PRÓXIMAS BATERIAS DO LEXUS PIPE PRO:

PRIMEIRA FASE – 1.a e 2.a=Oitavas de Final /  3.a=Repescagem:
1.a: Tyler Wright (AUS), Bettylou Sakura Johnson (HAV), Luana Silva (BRA)
2.a: Carissa Moore (HAV), Sally Fitzgibbons (AUS), Brisa Hennessy (CRC)
3.a: Caroline Marks (EUA), India Robinson (AUS), Moana Jones Wong (HAV)
4.a: Caitlin Simmers (EUA), Gabriela Bryan (HAV), Isabella Nichols (AUS)
5.a: Molly Picklum (AUS), Tatiana Weston-Webb (BRA), Alyssa Spencer (EUA)
6.a: Lakey Peterson (EUA), Johanne Defay (FRA), Sawyer Lindblad (EUA)

TERCEIRA FASE – Derrota=17.o lugar com US$ 14.360 e 1.330 pts:
1.a: Ethan Ewing (AUS) x Kelly Slater (EUA)
2.a: Samuel Pupo (BRA) x Liam O´Brien (AUS)
3.a: Ryan Callinan (AUS) x Jake Marshall (EUA)
4.a: Connor O´Leary (JPN) x Jackson Bunch (HAV)
5.a: Jack Robinson (AUS) x Ramzi Boukhiam (MAR)
6.a: Italo Ferreira (BRA) x Jordy Smith (AFR)
7.a: Barron Mamiya (HAV) x Frederico Morais (PRT)
8.a: Yago Dora (BRA) x Jacob Willcox (AUS)
9.a: Griffin Colapinto (EUA) x Shion Crawford (HAV)
10: Ian Gentil (HAV) x Kanoa Igarashi (JPN)
11: Gabriel Medina (BRA) x Crosby Colapinto (EUA)
12: Miguel Pupo (BRA) x Imaikalani deVault (HAV)
13: John John Florence (HAV) x Deivid Silva (BRA)
14: Callum Robson (AUS) x Seth Moniz (HAV)
15: Matthew McGillivray (AFR) x Eli Hanneman (HAV)
16: Leonardo Fioravanti (ITA) x Kade Matson (EUA)

RESULTADOS DO LEXUS PIPE PRO NA QUARTA-FEIRA:

PRIMEIRA FASE – 1.o e 2.o=Terceira Fase / 3.o=Repescagem:
1.a: 1-Matthew McGillivray (AFR)=12.34, 2-Yago Dora (BRA)=9.00, 3-Kade Matson (EUA)=5.30
2.a: 1-Callum Robson (AUS)=13.67, 2-Gabriel Medina (BRA)=12.33, 3-Deivid Silva (BRA)=4.64
3.a: 1-Jack Robinson (AUS)=12.27, 2-Kelly Slater (EUA)=11.67, 3-Rio Waida (IDN)=1.70
4.a: 1-Griffin Colapinto (EUA)=10.07, 2-Ramzi Boukhiam (MAR)=9.66, 3-Seth Moniz (HAV)=6.80
5.a: 1-Jackson Bunch (HAV)=10.17, 2-Ethan Ewing (AUS)=8.33, 3-Cole Houshmand (EUA)=7.03
6.a: 1-Samuel Pupo (BRA)=13.00, 2-Shion Crawford (HAV)=9.27, 3-Filipe Toledo (BRA)=1.77
7.a: 1-John John Florence (HAV)=15.20, 2-Jake Marshall (EUA)=14.47, 3-Caio Ibelli (BRA)=9.83
8.a: 1-Leonardo Fioravanti (ITA)=6.60, 2-Frederico Morais (PRT)=4.57, 3-Liam O´Brien (AUS)=3.60
9.a: 1-Ryan Callilnan (AUS)=10.33, 2-Imaikalani deVault (HAV)=9.84, 3-Jordy Smith (AFR)=3.10
10: 1-Eli Hanneman (HAV)=9.70, 2-Kanoa Igarashi (JPN)=7.50, 3-Connor O´Leary (JPN)=4.40
11: 1-Barron Mamiya (HAV)=14.10, 2-Crosby Colapinto (EUA)=11.83, 3-Ian Gentil (HAV)=5.50
12: 1-Miguel Pupo (BRA)=14.10, 2-Italo Ferreira (BRA)=12.10, 3-Jacob Willcox (AUS)=10.50

REPESCAGEM – 1.o e 2.o=Terceira Fase / 3.o=33.o lugar com US$ 13.525 e 265 pts:
1.a: Seth Moniz (HAV) e Deivid Silva (BRA), w.o-Filipe Toledo (BRA)
2.a: 1-Connor O´Leary (JPN)=12.33, 2-Kade Matson (EUA)=8.37, 3-Rio Waida (IDN)=6.50
3.a: 1-Jacob Willcox (AUS)=10.16, 2-Ian Gentil (HAV)=8.86, 3-Caio Ibelli (BRA)=6.17
4.a: 1-Liam O´Brien (AUS)=12.33, 2-Jordy Smith (AFR)=10.00, 3-Cole Houshmand (EUA)=5.77

TRANSMISSÃO AO VIVO – Todas as etapas do WSL Championship Tour 2024 podem ser assistidas ao vivo pelo Sportv e Globoplay, parceiros de mídia da WSL no Brasil. E neste ano têm novidades na transmissão pelos canais da World Surf League, com uma nova equipe de comentaristas em português, com Edinho Leite, Cris Pires e Ian Cosenza, produzida 100% no Brasil pela primeira vez. Além disso, também pelo WorldSurfLeague.com e pelo Aplicativo e Canal da WSL no YouTube, poderá ser acessada uma transmissão em espanhol inédita, com Mitchell Salazar, Sahid Pérez e Ahmed Pérez.

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias