23.1 C
Hale‘iwa
sábado, 13 abril, 2024
23.1 C
Hale‘iwa
sábado, 13 abril, 2024

Dick Metz e o nascimento de “The Endless Summer”

O filme “Birth of the Endless Summer” (assista ao trailer abaixo) não é um making of do clássico longa dos anos 60, mas sim uma história paralela a ele.

A busca pelo verão sem fim, viajando pelo mundo e descobrindo ondas sem nome, tornou o filme de Bruce Brown uma joia atemporal que fascina até os dias de hoje.

Birth of the Endless Summer (O nascimento de Endless Summer) tem como protagonista um dos pioneiros do surf californiano, Dick Metz, que entre 1958 e 1960 se dedicou a vagar pelo mundo em busca de ondas. E uma de suas viagens o levou a descobrir “a onda perfeita” em Cape St. Francis, na África do Sul.

Veja também

+ Huntington Beach Classic abre mundial de longboard

+ WSL negocia o retorno de Fiji ao Tour

+ Surf camp para latinos luta contra preconceito na Califórnia

Nascido em Laguna Beach em 1929, a história de Dick Metz remonta aos primeiros dias do surf na Califórnia. Seu pai tinha um restaurante em Laguna, e quando as estrelas de Hollywood da época iam à praia para passar o fim de semana, a família Metz os servia.

“Costumava brincar com Shirley Temple na praia aos fins de semana”, lembra Metz. “Ela tinha a mesma idade que eu e seus pais paravam no restaurante”.

Metz não demorou muito para subir em uma prancha de surf. Aos 7 anos, estava em San Onofre com as lendas Peanuts Larson e Hevs McClelland. Ele se formou na Santa Barbara State College em 1953 antes de servir no exército.

Ao retornar a Laguna em 1954, com a cena do surf pós-Segunda Guerra Mundial em ascensão, Metz se associou ao amigo Hobie Alter para lançar a Hobie Surf Shop em Dana Point. Isso se tornaria o modelo de estilo de vida e cultura que logo floresceria em todo o mundo.

A partir de 1958, ele passou os três anos seguintes vagando e buscando ondas. Finalmente, aterrizou na África.

Nesta parte da história entra a casualidade. Sua carona ia para a Cidade do Cabo e, em vez de ficar sozinho, ele partiu junto com John Whitmore, amplamente considerado o pai do surf sul-africano, para um lugar isolado chamado Cape Saint Francis. As ondas não eram nada espetaculares, mas ele registrou a informação em sua memória.

Ao retornar à Califórnia, outro amigo de Metz, o cineasta Bruce Brown, cujo estúdio estava localizado em Dana Point, estava prestes a embarcar em um projeto cinematográfico que daria a volta ao mundo. Metz casualmente sugeriu a Brown que passasse por Cape St. Francis, já que grande parte do mapa de surf da África do Sul ainda não estava completo na época.

Metz passou grande parte dos anos 60 vivendo no Havaí, administrando a loja Hobie em Honolulu. Ele também lançou o Surfline Hawaii com Dave Rochlen e abriu outras lojas Hobie nas costas oeste e leste.

Por enquanto, só podemos ver o trailer. Mas Birth of the Endless Summer já estreou nos cinemas dos Estados Unidos.

Trailer:

Com informações de Surf30.

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias