25 C
Papeete
domingo, 16 junho, 2024
25 C
Papeete
domingo, 16 junho, 2024

Desaparecimento de surfista em Margaret River deixa família em luto

Autoridades australianas suspenderam nessa segunda as buscas por um surfista desaparecido desde a última sexta-feira (07) em Margaret River. A vítima foi identificada como Aaron Beveridge, um surfista experiente que havia entrado em um mar de ondas grandes em Surfers Point, na região de Prevelly.

Beveridge, um neozelandês de 47 anos, era pai e foi descrito por sua família como alguém que estava “perseguindo sua paixão” no seu “lugar favorito”. “Meu filho foi tragicamente levado pelo mar enquanto perseguia sua paixão pelo surfe em Margaret River, Austrália Ocidental,” declarou sua mãe, expressando a dificuldade de processar a perda. Seu pai, Don Beveridge, também compartilhou a dor, ressaltando que Surfers Point era o lugar favorito de Aaron.

+ Pescadores e surfistas se envolvem em pancadaria com feridos no Rosa

A busca por Beveridge começou imediatamente após ele ser visto lutando na água contra a correnteza, mas as condições adversas impediram qualquer tentativa de resgate bem-sucedida. O mar estava agitado, com ondas de até 3,8 metros, e a busca foi suspensa durante o fim de semana devido ao mau tempo. Autoridades informaram a família sobre a suspensão das buscas nessa segunda-feira.

Surfers Point, o local do desaparecimento, é um dos melhores picos de ondas grandes da região, mundialmente conhecida por receber anualmente uma etapa do WSL Championship Tour, o Margaret River Pro. A comunidade do surfe está em choque e luto, com tributos emocionados sendo compartilhados nas redes sociais. “A cidade não será a mesma sem seu carro e seu cachorro incrível estacionados no estacionamento enquanto você surfa”, escreveu um amigo próximo.

A tragédia de Aaron ocorre apenas um mês após a morte de outro surfista na mesma região. Em maio, um surfista de 51 anos de Nova Gales do Sul morreu depois de ser atingido por uma prancha que cortou sua artéria femoral em Surfers Point. As condições do mar naquele dia eram difíceis, com um aumento inesperado da ondulação, o que pode ter contribuído para o acidente fatal.

O incidente com Aaron Beveridge sublinha os perigos inerentes ao surfe em grandes ondas, mesmo para surfistas experientes. Margaret River, com suas ondas poderosas e condições imprevisíveis, continua a ser um destino desafiante e, às vezes, trágico para aqueles que buscam dominar suas águas.

Fonte: 7news.com.au

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias