23.1 C
Hale‘iwa
sábado, 13 abril, 2024
23.1 C
Hale‘iwa
sábado, 13 abril, 2024

Brasileiros no páreo do Olas Pro Tour 2024

Após as primeiras quatro etapas do Semillero Olas Pro Tour 2024, que incluíram competições no Chile e no Peru, os surfistas brasileiros mantiveram uma boa performance no circuito internacional que agora realizará mais duas etapas, a quinta e a sexta, no Equador, apresentadas por Alcaldía de Salinas, entre os dias 6/7 e 13/14 de Abril e ambas competições acontecerão na Praia La F.A.E., em Salinas, localizada dentro de uma base militar da Força Aérea Equatoriana e conta com toda a respectiva segurança.

Os competidores agora se preparam para a próxima fase no Equador. O Olas Pro Tour 2024 continua estimulando os surfistas e amantes do surf em toda a América Latina, promovendo um lindo intercâmbio cultural, gastronômico e esportivo, além de uma competição saudável, que só tem a elevar o espírito do surf entre os participantes”, ressaltou o Roberto Muelas, idealizador do circuito.

O Semillero Olas Pro Tour 2024, que reúne alguns dos melhores surfistas de categorias de base da Argentina, Brasil, Venezuela, Equador, Peru, Nicarágua e Colômbia, tem sido um teste de habilidade e determinação para os participantes, que buscam pontos importantes para se qualificarem para o encontro da World Surf Cities Network em Portugal, além de uma boa premiação de 10 mil dólares oferecida em cada etapa, distribuídos para os quatro primeiros colocados das categorias Sub 14, Sub 16 e Sub 18 (masculino e mulheres).

Para o 1º lugar: $ 1.000 dólares; 2º lugar: $ 400 dólares; 3º lugar: $ 200 dólares e 4º lugar: $ 100 dólares. Vale ressaltar que as categorias Sub 10 e Sub 12 não receberão premiação em dinheiro, serão premiadas com pranchas e Wetsuits.

Após as primeiras quatro etapas destacam-se as colocações dos surfistas brasileiros no ranking geral Masculino, envolvendo as categorias Sub 10, Sub 12, Sub 14, Sub 16 e Sub 18. O Brasil permanece liderando em duas categorias: na Sub 14 com o paulista Nicolas Oliveira e na Sub 10 com o catarinense Guilherme Goulart.

Nicolas Oliveira
Local Ubatuba Nicolas Oliveira garantiu a vitória na final da Sub 14 na etapa peruana. Foto: SPSurf / Ollas Tour / Divulgação

Os rankings ainda contam com outros brasileiros. Na Sub 14, Cauã Diniz (RJ) está na 4ª colocação. Já o potiguar radicado no Guarujá, São Paulo, Matheus Jhones, encontra-se em 7ª lugar. Raoni Rodrigues (SP) em 19º e Bernardo Bicalho (BA) em 22º lugar. Na Sub 10 ainda há Bernardo Pires (SP), na 8ª posição.

A Sub 12 Masculino está liderada pelo chileno Romano Menichetti. No ranking ainda contamos com os brasileiros Matheus Jhones na 2ª posição, Raoni Rodrigues (SP) aparecendo em 7º lugar, Bernardo Pires (SP) em 10º e Guilherme Goulart (SC) na 13ª colocação.

A Sub 16 é comandada pelo argentino Thiago Passeri. Em 4º e 5º lugares estão Nathan Hereda (RJ) e Kauã Carvalho (PR), respectivamente. Levi Silva (SP) surge na 24ª posição. O argentino também é o líder na Sub 18, e os brasileiros Nathan Hereda (RJ) surge na 5ª colocação e Kauã Carvalho (PR) em 7º. Gabriel Dantas (RJ) na 25ª colocação.

No Feminino da Sub 10, a chilena Colomba Melus é a líder. A paulista Maria Chuquer está em 3º lugar. Na Sub 12 a líder é a peruana Emma Garcia, o Brasil aparece novamente com a jovem Maria Chuquer ocupando a 6ª posição. Na Sub 14 a líder do ranking é a peruana Brianna Barthelmess. As brasileiras que aparecem são a carioca Lanay Thompson na 8ª colocação e a paulista Carol Bastides em 11º lugar.

Brianna Barthelmess também lidera a Sub 16. Já o Brasil aparece no ranking com as cariocas Sarah Ozório na 4ª posição e Lanay Thompsom em 14º lugar. A paranaense Luara Mandeli ocupa a 15ª colocação no Olas Pro Tour 2024 até o momento. Na Sub 18 Feminino, Victoria Muñoz, da Argentina, é a líder e a carioca Sarah Ozório aparece na 4ª colocação.

No Equador, a Praia La F.A.E., em Salinas, proporciona uma onda point break de esquerda que funciona melhor na maré baixa e tem um beach break que predomina à direita na maré alta, além de ser um pico de muito sol e água morna.

As inscrições para as próximas etapas já estão abertas em olasprotour.com até o dia 16 de março e devem ser excepcionalmente realizadas online, não serão permitidos pagamentos na praia. Mais informações sobre o ranking clique AQUI.

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias