27 C
Papeete
domingo, 21 julho, 2024
27 C
Papeete
domingo, 21 julho, 2024

Águas de Gaia abre inscrições para vivências gratuitas de surf feminino

Águas de Gaia é um projeto social que oferece aulas de surf e stand-up paddle somadas a práticas corporais, sempre de mulheres para mulheres. Além das vivências gratuitas, o projeto garante, para as mulheres atendidas, transporte, alimentação e acolhimento dos seus filhos na praia. O convite é para que elas tenham um momento de conexão consigo, com a natureza e realizem o sonho de aprender a surfar. Além disso, as instrutoras são contratadas localmente e passam por uma capacitação, fomentando a geração de renda comunitária.

Cinco estados do Brasil irão receber o projeto Águas de Gaia, com aulas gratuitas de surf, stand up paddle (SUP) e vivências corporais para mulheres. As primeiras serão nos dias 16 e 21 de março, em Cabo Frio (RJ), Arraial do Cabo (RJ). Em abril, o projeto segue para as praias de Maracaípe (PE), Serra Grande (BA), São Sebastião (SP) e Guarapari (ES). As datas das vivências podem ser alteradas em razão das condições climáticas. As vagas são limitadas e mulheres interessadas podem se inscrever pelo Instagram do projeto: @aguas.de.gaia.

Ao longo do ano serão 135 vivências do projeto, que é realizado desde 2021 e gera memórias e histórias de superação por onde passa, como a de Edneide Taibart, que participou de um encontro no núcleo Taíba, no Ceará. “Com 11 anos, eu me afoguei em um redemoinho. Desde então, nunca mais entrei no mar ou mergulhei em água nenhuma. Mais de 50 anos depois, graças ao apoio que tive do projeto, consegui vencer esse trauma e finalmente entrei de novo no mar. Não poderia estar mais feliz”, contou.

+ Brasil garante as duas vagas olímpicas em jogo no ISA Games

A iniciativa concilia lazer, saúde e a cultura oceânica, convidando as participantes a vivenciarem um momento de conexão consigo, em meio a natureza. Além disso, incentiva as mulheres moradoras dessas localidades a conhecerem o quintal de casa, o mar, com olhos diferentes, sendo um aliado para superar seus desafios, criando memórias afetivas e ressignificando seus caminhos. “Convidamos as mulheres para terem um momento de conexão com seu interior, com a natureza e realizarem o sonho de aprender a surfar. Oferecemos alimentação e cuidadoras para aquelas que possuem filhos possam participar”, detalha Cristiane Brosso, idealizadora do projeto.

Feito de mulheres para mulheres, desde a coordenação até as instrutoras e cuidadoras, o projeto é desenhado para envolver a comunidade local e criar uma equipe com raízes para que, após o período das vivências inicial, a própria comunidade siga impulsionando a experiência. “A comunidade de cada cidade que passamos é envolvida no desenvolvimento das vivências. As mulheres que surfam e conhecem o mar passam por uma capacitação na metodologia própria do Águas de Gaia para ensinar o esporte e, ao final do projeto, possam continuar as aulas gerando renda comunitária”.

O projeto Águas de Gaia tem um método próprio que funde o yoga a outros saberes ancestrais e o conhecimento do mar, propondo lazer com inclusão social, saúde integrada e conscientização ambiental conectando as mulheres entre si e essas com o oceano. “A ideia é colaborar para a valorização do feminino, trazer força e conexão entre as mulheres”, afirma Cris, que é um exemplo de transformação. “Saí da depressão pós-parto devido ao surf e vi muitas mulheres atingirem a saúde mental e até mesmo deixar relacionamentos abusivos devido à prática do esporte. Ele nos traz força”, conta.

Realizado pelo Instituto Incentivar, o projeto Águas de Gaia começou em 2021 e já passou por sete cidades, de quatro estados diferentes. Ao todo, foram mais de 160 vivências com a participação de 800 mulheres. Nesta nova temporada, o projeto conta com patrocinadores como o Instituto EDP e a AEGEA Saneamento, além de parceiros locais em cada núcleo.

Destinos do projeto Águas de Gaia:

  • Cabo Frio, Rio de Janeiro

Datas e horários: aos sábados a partir 16 de março, das 8h às 13h

Instituição parceira: Associação de moradores Caminho de Búzios

  • Arraial do Cabo, Rio de Janeiro

Datas e horários: às quintas-feiras a partir de 21 de março, das 8h às 13h

Instituição parceira: PESCARPGIN – Associação dos Pescadores Artesanais no Parque das Garças Integrada

  • Guarapari, Espírito Santo

Datas e horários: aos sábados a partir de 13 de abril, das 8h às 13h

Instituição parceira: Guarapari – Pontal de Santa Mônica

  • Serra Grande, Bahia

Datas e horários: 2, 9, 16, 23 e 30 de abril de 2024, das 8h às 13h

Instituição parceira: escolas públicas de Serra Grande

  • São Sebastião, São Paulo

Datas e horários: às sextas-feiras a partir de 6 de abril de 2024, das 8h às 13h

Instituição parceira: Instituição Verde Escola

  • Maracaípe, Pernambuco

Datas e horários: aos domingos a partir de 7 de abril, das 8h às 13h

Instituição parceira: ONG TPM – Todas Para o Mar

Como se inscrever:

Cada mulher ou ONG que tenha interesse em participar, pode entrar em contato pelo perfil oficial do projeto no Instagram (@aguas.de.gaia), onde há um link direto para as inscrições.

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias