23 C
Papeete
quarta-feira, 22 maio, 2024
23 C
Papeete
quarta-feira, 22 maio, 2024

1ª etapa do Brasileiros de Longboard e SUP Surf define campeões em Paracuru

O terceiro dia do Pena Paracuru Surf Festival, evento que abre o CBSurf Longboard e SUP Surf, definiu os nomes dos líderes do certame da categoria Profissional tanto entre os homens, quanto entre as mulheres nas duas modalidades.

Na categoria masculino o grande vencedor foi o paulista Jefson Silva, que dominou a última e mais importante bateria, a grande final, desde a primeira onda surfada. O principal confronto da categoria foi um duelo entre a experiência do paulista e a novíssima geração do longboard brasileiro, representada pelo surfista local de Jericoacoara-CE, João Pedro. Apesar da boa atuação do cearense durante todo o evento, a experiência falou mais alto e após uma apresentação de altíssimo nível em que Jefson deixou João Pedro precisando de uma combinação de notas para vencer durante boa parte da final até o término da bateria, o paulista comemorou o título da etapa e a liderança do circuito.

+ Brasil para nas semis do MEO Rip Curl Pro Portugal; Colapinto e Defay vencem etapa

Esse evento foi muito especial pra mim. Acho que foi o melhor evento que já participei no Brasil. Altas ondas todos os dias, mar perfeito, ondas extensas, tudo o que a gente ama… Na primeira bateria eu consegui a classificação nos últimos segundos. Mas, no decorrer do evento fui crescendo e conseguindo mostrar meu surf… Estou muito feliz com esse resultado e agora o foco é a preparação para os próximos eventos. Espero que o evento continue aqui no Paracuru enquanto eu estiver competindo“, declarou Jefson.

Apesar do resultado, inclusive com uma onda de 8,0 pontos na sua última apresentação, o cearense João Pedro comemorou bastante o resultado e segue firme como o vice-líder do circuito.

Brasileiro de Longboard e SUP Surf
Atalanta Batista veio a Paracuru para defender seu título brasileiro e volta para casa com mais um troféu. Foto: Lima Jr

Entre as mulheres o grande destaque ficou por conta da excelente atuação de Atalanta Batista-PE, que chegou no Paracuru para defender o título da etapa e do circuito e volta para Pernambuco com o troféu de campeã e a liderança do circuito. A grande final foi marcada pelo domínio de Atalanta do início ao fim da bateria. A paulista Kate Brandi, que fez boas apresentações durante todo o evento, não conseguiu repetir suas melhores atuações e acabou terminando na segunda colocação. Com o resultado, Atalanta comemora mais um título, a liderança do circuito, e um recorde pessoal de ter vencido os últimos quatro eventos aos quais disputou:

Eu estou muito feliz com mais esse resultado, que é fruto de muita dedicação e abdicação. Gostaria de agradecer a todos que acreditam no meu trabalho e de alguma forma me apoiam, desde meus patrocinadores, meu filho Daniel que está aqui comigo, minha família e todos que torcem e vibram com minhas vitórias“, afirmou a atleta.

Perguntada sobre o segredo de tanta consistência, Atalanta respondeu:

Os seus resultados são frutos de suas escolhas. Eu me dedico muito aos treinos e ao trabalho como professora de surf e faço tudo para estar sempre na minha melhor forma. Minha alimentação é regrada e até minha vida fora d’água é sempre direcionada ao meu foco como atleta. Acredito que equilíbrio é tudo e se você quer mesmo alguma coisa, tem de se esforçar muito para conquistar“, respondeu a campeã.

CBSURF SUP SURF

Brasileiro de Longboard e SUP Surf
Wellington Reis travou um duelo de alto nível contra o tetracampeão mundial, Luiz Diniz, para vencer a etapa. Foto: Lima Jr

Entre os competidores do SUP Surf o grande campeão foi Wellington Reis-SP, que precisou de muita determinação para superar o também paulista tetracampeão da modalidade, Luiz Diniz, que logo no início da bateria cravou um 9,33 pontos, colocando muita pressão em Wellington. Contudo, aos poucos Wellington foi diminuindo a vantagem de Diniz conseguindo uma virada espetacular somando duas ondas na casa dos oito pontos. Apesar do high score, Diniz não conseguiu uma segunda nota e mesmo com a maior nota da bateria terminou na segunda colocação.

Eu estou felizão! Esse evento vai ficar na minha memória pra sempre. Mar liso e perfeito todos os dias, fundo de coral, ondas longas e alinhadas… esse lugar aqui é maravilhoso. Quero voltar sempre… Desde o começo (do evento) eu estava em uma vibe muito boa. Estava muito tranquilo e é isso! Agradeço a todos que me apoiaram e torceram por mim!“, falou Wellington Reis após a conquista do título.

Brasileiro de Longboard e SUP Surf
Aline Adisaka larga na frente na disputa por seu quinto título brasileiro de SUP. Foto: Lima Jr

Entre as mulheres a grande campeã foi a também paulista Aline Adisaka, que dominou a final do início ao fim contra sua amiga e conterrânea Gabi Stamfater, para comemorar mais um título para sua extensa coleção. Ela que é tetracampeã brasileira de SUP esteve muito ativa durante toda a bateria final e não deu chances para que Gabi, que também surfou muito durante todo o evento, tivesse chance de ameaçar o seu resultado. Com a vitória, Aline inicia mais um ano com o pé direito, pavimentando o caminho para a conquista do pentacampeonato nacional:

Quero agradecer ao meu time, às minhas amigas Carol Barcellos, Maga, Sil (Silvana Lima), aos meus patrocinadores e a todos que me apoiam… A vida de um atleta é cheia de altos e baixos. Às vezes a onda vem, mas outras vezes não… E dessa vez deu tudo certo, graças a Deus… E poder pegar essa onda aqui, de SUP, com quase ninguém é um sonho e um privilégio… Não posso deixar de agradecer também à CBSurf por nos proporcionar tudo isso, pois essa é a maior estrutura de um circuito nacional em todo mundo e poder fazer parte disso é como eu já disse, um verdadeiro sonho“, afirmou a campeã.

VETERANOS ENTRAM EM CENA

Após o show dos profissionais foi a vez dos veteranos da Master Masculino 35+ e da Grand Kahuma 50+ mostrarem que ainda têm muita lenha para queimar. Na 35+ os destaques ficaram por conta das atuações do local de Ubatuba Fábio Alves e do saquaremense Jeferson Silva, ambos garantindo vaga na grande final vencendo suas baterias.

Na 50+ os destaques foram os paulistas Daniks Fisher e Marcos Silva, que também avançaram suas baterias e já estão garantidos nas finais que rolam neste domingo (17), último dia da etapa de abertura do CBSurf Longboard 2024.

DOMINGO DE DECISÕES

O último dia do CBSurf Longboard e SUP Surf 2024 ainda reserva grandes emoções com as disputas no Longboard das categorias Sub 18 Masculino e Feminino, Master Masculino 35+ e Grand Kahuna 50+ e da Master Masculino 35+ do SUP Surf. Então já sabe. Domingo é dia de ficar ligado nas categorias que definirão seus campeões da abertura do Circuito CBSurf Longboard e SUP Surf 2024.

AO VIVO – O Pena Paracuru Surf Festival 2024 prossegue nessa sexta-feira com o início das disputas de SUP Surf. A competição pode ser acompanhada ao vivo no YouTube da CBSurf, o canal CBSurfPLAY ou através do site cbsurf.org.br onde também estão os resultados de todas as baterias.

RESULTADOS

SUP SURF MASCULINO PRO

1o Wellington Reis-SP

2o Luiz Diniz-SP

3o Marco Kertichka-SC

3o Bruno Medeiros-ES

SUP SURF FEMININO PRO

1a Aline Adisaka-SP

2a Gabi Sztamfater-SP

3a Kilvia Cardoso-CE

3a Carol Barcellos-CE

LONGBOARD MASCULINO PRO

1o Jefson Silva-SP

2o João Pedro-CE

3o Robson Silva-CE

3o Rodrigo Sphaier-RJ

LONGBOARD FEMININO PRO

1a Atalanta Batista-PE

2a Kate Brandi-SP

3a Jamile Araújo-CE

3a Monique Pontes-SP

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias