Cinco surfistas morreram na noite de segunda-feira, 11/5, após enfrentar uma enorme camada de espuma na água ao norte do distrito de Scheveningen, em Haia, na Holanda.

As autoridades tentam descobrir exatamente o que deu errado, mas algumas testemunhas descreveram a cena do que foi uma verdadeira tragédia na Holanda.

Entende-se que uma forte tempestade assolou a costa e soprou montes de espuma ao longo da parede do porto, que se espalharam por centenas de metros pela praia.

De acordo com testemunhas locais, a espuma se estendeu por toda a costa.

+ SURFISTA BATE EM TUBARÃO EM BELLS BEACH E ESCAPA DA MORTE

“Seis nadadores experientes usavam  nadadeiras e três deles não conseguiram lutar contra a corrente. Foram arrastados sob a espuma e ficaram presos. Dois surfistas experientes também não conseguiram. Um grande drama; a comunidade de surf está em total choque e descrença”, contou um fotógrafo à MSW nesta manhã.

Outro morador disse: “É terrível. Era um pequeno grupo de surfistas saudáveis ​​e em boa forma. Eles foram ao bodysurf e tiveram problemas com um fator surpresa. Eles foram apanhados lá dentro com uma tonelada de espuma”.

Uma pessoa ainda permanece desaparecida; a busca pela guarda costeira local foi interrompida na noite passada, mas retomada novamente nesta manhã.

Na Holanda, existe um bloqueio inteligente durante o COVID-19, o que significa que você deve ser sensível e respeitar as medidas de distanciamento social.

A guarda costeira levou três pessoas à costa, mas as tentativas de revivê-las falharam.

Nossas condolências são enviadas às famílias e amigos de todos os afetados por essas notícias e à comunidade de surf da Holanda.