Publicidade:

Tati Weston-Webb vence primeira bateria contra Carissa Moore

Tatiana Weston-Webb começa muito bem a bateria decisiva do WSL Finals vencendo o primeiro duelo contra a havaiana Carissa Moore.

A brasileira começou embalada a primeira bateria do sistema de “melhor de três”.

Tatiana Weston-Webb abriu muito bem a bateria, surfando uma ótima direita e teve uma rápida resposta de Carissa logo em seguida. Mas a havaiana, contudo, caiu na sessão intermediária da onda.

Quem dizia que a vitória da havaiana seria certa, nesse momento parou para refletir, pois Tati mostrava ali que iria usar todas as suas armas para conquistar o título.

O placar inicial, de 5.50 contra 3.00, em favor da brasileira, logo seria alterado, mas por uma pequena diferença.

Com as duas alternando o placar com ondas boas e fracas, até que na metade da disputa, Carissa conseguiu surfar uma onda muito boa, arrancando um 8.33 dos juízes, numa das notas mais altas do dia.

Leia também:

+ Um guia para você acompanhar o Rip Curl WSL Finals

Tati, então, ficou precisando de 8.56 para assumir a liderança, e quase conseguiu ao surfar uma excelente esquerda, novamente surfando com bastante força, fazendo um 7.33 e diminuindo a diferença entre de sua adversária, para 6.74.

As duas seguiram surfando ondas regulares na sequência e o placar não se manteve alterado, até que aos seis minutos para o término, a brasileira conseguiu a virada com 6.93, completando duas fortes rasgadas e uma batida na junção.

Correndo contra o prejuízo, Carissa surfou mais três ondas, mas nenhuma boa o suficiente para aumentar sua somatória.

No minuto final, Tati ainda encontrou uma boa direita completada com uma batida vertical no oco da onda, que lhe garantiu a nota 7.87, aumentando ainda mais a diferença em relação á Carissa.

E, assim, a primeira bateria do sistema de “melhor de três”, terminou com o placar de 14.06 contra 15.20 em favor da brasileira.

Elas agora se enfrentarão novamente em mais uma bateria. Se Tati vencer, ela será campeã mundial de surfe de 2021. Se perder, as duas terão mais um confronto nas ondas de Lower Trestles.

A competição poder ser acompanhada ao vivo aqui em Hardcore.com.br e também através do site da World Surf League.


Receba nossas Notícias no seu Email

+Notícias