30 C
Papeete
terça-feira, 21 maio, 2024
30 C
Papeete
terça-feira, 21 maio, 2024

Surfistas se unem para salvar uma das melhores ondas do Espírito Santo

Grandes nomes do surfa nacional como Lucas Silveira, Filipe Toledo e Rodrigo Cardoso declararam apoio a uma campanha lançada por surfistas do Espírito Santo para salvar uma das melhores ondas de seu estado, ameaçada pela expansão do porto da Imetame, em Barra do Riacho, Aracruz.

Na petição online Essa Onda Não Pode Acabar, o movimento de ativismo ambiental Temporada Azul explica que não é contrária à construção do porto, contudo, solicita às autoridades uma adequação ao projeto de expansão, que poderá preservar a onda.

Uma pequena mudança de 5 graus na construção do Píer já seria suficiente para manter viva a melhor onda do Espírito Santo e o surf local“, ressalta o surfista e empresário de consultoria ambiental Alexandre Góes . O abaixo-assinado “É para que obra seja paralisada e ajustada“, explica.

Alexandre relata que a paralisação temporária, até a conclusão de estudos técnicos que indiquem os ajustes precisos a serem feito, já havia sido acordada diretamente com o presidente da Imetame, Etore Selvatici Cavallieri.

Leia também:

+ Inglaterra declara guerra a bodyboards fabricados na China

+ A Arte dissonante de Alex Knost em novo vídeo da Vans

+ Waves We Surf: perfil colaborativo homenageia ondas em todo mundo

Ele me solicitou estudos para comprovar a viabilidade técnica. Pediu que eu indicasse no mínimo duas empresas, e das melhores. Quando apresentei o primeiro grupo, ele parou de me atender“, relata Alexandre, referindo-se a conversas feitas há dois meses, quando a obra “Estava só no papel“.

O surfista conta ter integrado a equipe que fez os estudos técnicos que viabilizam a liberação da licença ambiental da obra e, nesse trabalho, verificou a possibilidade real de preservar a onda, mediante ajustes técnicos no projeto de engenharia. A licença, no entanto, foi emitida sem considerar as recomendações sobre a onda.

Há formas mais diplomáticas e verdadeiras de contornar a situação. Nós fomos enganados pela empresa, que combinou uma coisa com a gente, eu tenho provas, tenho e-mail, tenho trocas de mensagens, tenho prints…não vamos deixar isso barato, porque consideramos um crime. Nós somos do mar e não vamos admitir que uma empresa passe por cima de condicionantes, da lei, coisas muito sérias e perigosas, para acabar com a nossa onda“, relatou nas redes sociais do Temporada Azul.

A adequação do projeto, salienta, poderia fazer do porto da Imetame um exemplo mundial, colocando o Espírito Santo no mapa dos mais de cem lugares no mundo que possuem grandes ondas ao lado de píeres como a Barrinha, em Saquarema, no Rio de Janeiro.

Só o Ministério Público pode agir agora“, avalia Alexandre, ressaltando que é muito importante colher o maior número de assinaturas na petição online de maneira a pressionar o MP a agir.

Em junho deste ano, Lucas Silveira foi conferir de perto a onda e ficou impressionado com o potencial e qualidade do pico. Não por acaso, ele está entre os apoiadores da iniciativa da petição online Essa Onda Não Pode Acabar.

Com informações de seculodiario.com.br.

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias