23.1 C
Hale‘iwa
sábado, 13 abril, 2024
23.1 C
Hale‘iwa
sábado, 13 abril, 2024

Surfistas australianos são encontrados após desaparecerem no mar da Indonésia por 38h

No último domingo, dia 13, operações de busca e resgate nas águas da Indonésia tomaram conta dos noticiários da Austrália, quando um grupo de quatro surfistas australianos foi dado como desaparecido após uma violenta tempestade. As esperanças e temores se entrelaçaram enquanto as equipes de busca se esforçavam para localizar os jovens. Felizmente, após 38 angustiantes horas, os surfistas foram encontrados sãos e salvos.

O quarteto composto por Elliot Foote, Steph Weiss, Jordan Short e Will Teagle, junto com dois cidadãos indonésios não identificados, foi avistado boiando sobre suas pranchas no vasto oceano. O drama que se desenrolou mobilizou equipes tanto da Austrália quanto na Indonésia, que atuaram nas operações de busca e resgate unindo forças para trazer os surfistas de volta em segurança.

+ Shiseido Tahiti Pro deve retornar nesta terça com fase eliminatória

De acordo com informações da CNN, a busca pelos australianos teve início somente na segunda-feira, um dia após o grupo ter sido surpreendido pela tempestade que os separou. Familiares dos surfistas compartilharam detalhes angustiantes de sua situação prévia ao resgate. Os amigos estavam em uma viagem de surf especial, celebrando o trigésimo aniversário de Elliot Foote. Inicialmente parte de um grupo maior, eles se dividiram em dois barcos para explorar as remotas Ilhas Banyak, uma escolha que os colocou diretamente no caminho da tempestade.

Surfistas desaparecem indonésia
Grupo de quatro surfistas australianos foi encontrado vivo, boiando nas pranchas, depois de mais de um dia desaparecido. Foto: Reprodução CNN

As condições climáticas adversas impediram o retorno da embarcação à qual os surfistas estavam a bordo, resultando em seu desaparecimento. No entanto, o espírito de sobrevivência e união prevaleceu. Após a dramática operação de resgate, Peter Foote, pai de Elliot, compartilhou uma emocionante mensagem que recebeu do filho recém-encontrado: “Ei, pai, Elliot aqui. Estou vivo e seguro. Te amo. Conversamos mais tarde.” Essas palavras tocaram profundamente todos aqueles que acompanharam a história.

Uma reviravolta notável veio à tona na narrativa do resgate, quando soube-se que Elliot Foote havia se separado dos outros amigos em busca de ajuda. Ele corajosamente deixou seus companheiros boiando na água para encontrar assistência. Comoventemente, o barco fretado localizou seus amigos em perigo antes de partir à procura de Elliot, que felizmente foi encontrado mais tarde e o elo que faltava no grupo de surfistas agora reunido.

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias