26 C
Papeete
segunda-feira, 15 julho, 2024
26 C
Papeete
segunda-feira, 15 julho, 2024

Surf e Bodysurf agitam a praia de Itacoatiara

Na última quinta-feira (13) a praia de Itacoatiara, em Niterói (RJ), foi palco de duas competições profissionais: surf e bodysurf, que aconteceram em baterias simultâneas em diferentes localidades da praia.

No Surf, o grande vencedor foi o argentino Nacho Gundesen, enquanto no bodysurf, quem conquistou foi o carioca João Oliveira, mais conhecido como Joãozinho, levando o prêmio de 10 mil reais, cada um.

A competição foi marcada pelo último dia da janela do Itacoatiara Pro para a realização dos campeonatos profissionais de ambas as modalidades, e a previsão de boas condições para o mar se cumpriu. Com ótimas ondas e movimento alto na praia desde o início da manhã, as baterias simultâneas foram um sucesso.

+ Seis notas 10 em um dia: Nias Pro faz história na Indonésia

Para as disputas com prancha, o evento contou com nomes de peso, como Lucas Chumbo e Raoni Monteiro; porém, quem brilhou mesmo foi Nacho Gundesen. No entanto, antes do hermano levantar o troféu em terras tupiniquins, as semifinais trouxeram disputas equilibradas. Isso porque o próprio triunfante travou embate contra o renomado Raoni Monteiro, superando o representante nacional, que já chegou a se classificar três anos seguidos para o hoje extinto, WCT (World Championship Tour) – a então primeira divisão do surf mundial.

Na grande final, em um clássico sul-americano de tirar o fôlego, o argentino bateu o brasileiro Krystian Kymerson na final, e conseguiu se sagrar campeão do Itacoatiara Pro 2024. Após confirmar o título, o atleta do país vizinho ressaltou a boa organização do evento, abriu que já tinha o desejo de competir no local e aproveitou para dedicar o resultado a seu pai.

Quero agradecer demais a organização do evento. Essa é a minha primeira vez aqui em Itacoatiara, já queria vir para cá faz muito tempo e, hoje, consegui realizar essa vontade. As ondas e a vibe estavam muito iradas e estou muito feliz com esse resultado. No domingo, é dia dos pais na Argentina, queria dedicar essa vitória para o meu pai”, conta Nacho.

Já no Bodysurf, brilhou a estrela de Joãozinho, que dominou o evento e superou o compatriota Renan Barbosa na grande final.

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias