28 C
Papeete
domingo, 26 maio, 2024
28 C
Papeete
domingo, 26 maio, 2024

Dia Mundial dos Oceanos reforça importância da preservação

O Dia Mundial dos Oceanos foi criado em 08 de junho, no ano de 1992, durante a Rio-92, na cidade do Rio de Janeiro, para chamar a atenção da sociedade para a importância da vida marinha e inspirar iniciativas que colaborem para a sua proteção.

Este ano, pela segunda vez, a data é comemorada pela Organização das Nações Unidas (ONU) em meio à pandemia do novo coronavírus.

Veja também:
+ Litoral do Sri Lanka prestes a sofrer desastre ambiental sem precedentes
+ Guia das Olimpíadas: tudo sobre o surf

Dessa forma, a ONU chama a atenção para o Dia Mundial dos Oceanos com a campanha: ‘O oceano: vida e subsistência’.

Lema, que de acordo com o secretário-geral da ONU, António Guterres, sublinha a “Importância dos oceanos para a vida cultural e a sobrevivência econômica das comunidades em todo o mundo” numa fase em que “mais de três milhões de pessoas dependem do oceano para a sua subsistência, a grande maioria nos países em desenvolvimento”.

Através de um vídeo divulgado pela organização, alusivo à data que hoje é comemorada, Guterres relembra que os “nossos mares estão sendo sufocados pelo lixo plástico”, que “pode ser encontrado desde os atóis mais remotos até às mais profundas fossas oceânicas”.

“À medida que trabalhamos para acabar com a pandemia, temos uma oportunidade única – e a responsabilidade – de corrigir a nossa relação com o mundo natural, incluindo os mares e oceanos do mundo”, salientou António Guterres.

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias