26 C
Papeete
domingo, 21 julho, 2024
26 C
Papeete
domingo, 21 julho, 2024

Mundial Júnior: equipe brasileira dá a volta por cima

O quarto dia de competição no Isa World Junior Surfing Championship 2023 terça-feira (28), foi todo dedicado à repescagem com os brasileiros dando a volta por cima e garantindo bons resultados. O sol voltou a brilhar, sem vento e com boas ondas, a nova geração do surfe mundial deu um show para o público presente.

Diferente de outros campeonatos, quando o surfista perde e é eliminado da competição, neste evento os atletas que perderam tiveram mais uma chance na repescagem. Os atletas que conseguiram avançar hoje voltaram ao evento principal.

+ 4 brasileiros caem para a repescagem no ISA Mundial Junior

A primeira brasileira a entrar na água foi a catarinense Kiany Hyakutake (Sub 18), que conseguiu sua classificação sem muitos problemas. Em uma bateria com poucas ondas, ela soube administrar bem a vantagem sobre suas adversárias e garantiu seu lugar na próxima fase.

Eu demorei para pegar as primeiras ondas, foi uma bateria bastante apertada, não foi do jeito que eu quis, mas passei a bateria e voltei para o evento principal”. Sobre a onda da Praia da Macumba, ela afirma que já está adaptada às condições:

Essa onda é um pouco difícil, mas eu treino bastante na Praia Mole em Floripa, que apesar de não ter o mesmo volume que a Macumba, é uma onda bastante balançada. Agora é descansar, me concentrar e jogar o jogo“, planejou.

Alexia Monteiro. Foto: Pablo Gonzalez

Na sequência foi a vez da gaúcha Alexia Monteiro mostrar a que veio. Surfando com bastante estratégia e bem orientada pelos técnicos da equipe brasileira ela soube aproveitar muito bem as condições.

Estamos de volta no ‘game’, estou muito feliz de ter avançado para o evento principal. Surgiram algumas dúvidas sobre posicionamento, pois o mar na Macumba muda praticamente a cada 15 minutos. Mas Deus clareou minha cabeça, consegui pegar as ondas boas e me posicionar com a ajuda da equipe que sinalizou para mim na areia. Agora vamos pra cima, bora time brasil!“.

As duas últimas disputas envolvendo brasileiros na repescagem foram travadas por Samuel Joquinha e Luara Mandelli. Ambos avançaram com Joquinha dando um show à parte. Samuel conseguiu emplacar duas ótimas direitas, jogou muita água e comemorou bastante a vitória.

Foi sensacional Deus abençoou com as ondas ali o Brasil está de volta ao evento 100%. Essa vala aqui na Macumba tá no meu coração, achei até que eu estava em Jeffrey’s Bay”, disse ele.

A partir de quarta-feira (29) não haverá repescagem com todos os atletas disputando o evento principal, com os vencedores – primeiros e segundo colocados – avançando e os dois últimos sendo eliminados da competição.

Lembrando que são 45 delegações divididas por equipes nas categorias: Masculino Sub 18; Masculino Sub 16; Feminino Sub 18 e Feminino Sub 16. A formação da equipe brasileira foi determinada a partir do ranking do Circuito Brasileiro Amador de 2022, competição promovida pela CBSurf. Como critério de seleção, foram escolhidos os três primeiros colocados do ranking para compor o time.

HIGHLIGHS DO DIA:

Esta é a 19ª edição do evento e a segunda a ser realizada no Brasil; a primeira ocorreu em 2006 na Praia de Maresias, São Paulo.

AO VIVO – A transmissão ao vivo pode ser acompanhada através do CBSurf PLAY- https://cbsurf.org.br/isa-junior-brasil/ ou pelo site da ISA:  https://isasurf.org/

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias