Publicidade:

LayBack Pro Rio: Prainha receberá seu primeiro evento internacional de surf

O LayBack Pro Rio traz de volta à capital do RJ uma etapa do Qualifying Series da WSL após 11 anos. O evento será realizado nos dias 15 a 19 de junho, na preservada Prainha, com uma programação especial de Jiu-Jitsu, de Skate e várias atrações extras para o público.

Curiosamente, o primeiro LayBack Pro em Florianópolis no ano passado, também resgatou a Praia Mole, que não sediava uma etapa do WSL Qualifying Series exatamente há 11 anos, como a capital carioca agora.

Já a Prainha vai estrear no calendário da World Surf League, pois nunca foi palco de um evento internacional, valendo pontos para o ranking mundial.

Veja também:

+ John John desfalca CT de El Salvador (e talvez o Brasil)

+ Confira as baterias do El Salvador Pro

+ Havaí vence Mundial Junior de Surf da ISA; Brasil termina em sétimo

Além disso, será o terceiro LayBack Pro a ser realizado em menos de 1 ano. O primeiro foi em novembro do ano passado, abrindo os rankings regionais da temporada 2021/2022 da WSL Latin America. O segundo também aconteceu na Praia Mole de Florianópolis, no último mês de abril. O LayBack Pro abriu e fechou a batalha pelas vagas da América do Sul para o WSL Challenger Series 2022, o novo caminho para se chegar na elite da World Surf League.

LayBack Pro Rio será realizado com o princípio da igualdade na premiação para homens e mulheres e valerá como a sexta etapa da temporada 2022/2023, marcando 1.000 pontos nos rankings masculino e feminino classificatórios para o Challenger Series de 2023.

Entre os dias 15 e 19 de junho, serão disputados os terceiros troféus de campeões da história do evento. Os primeiros foram conquistados pelos jovens Eduardo Motta (SP) e Laura Raupp (SC) e os segundos por Michael Rodrigues (CE) e Daniella Rosas (PER).

Receba nossas Notícias no seu Email

+Notícias