27 C
Papeete
sábado, 25 maio, 2024
27 C
Papeete
sábado, 25 maio, 2024

Irmã de Carissa Moore detona o WSL Finals Five

A havaiana Carissa Moore é uma das surfistas mais respeitadas e talentosas do mundo. Com uma carreira repleta de conquistas e vitórias que inclui cinco títulos mundiais e uma medalha olímpica de ouro, Moore tem sido uma figura dominante no cenário profissional há muitos anos. No entanto, pela segunda vez consecutiva, liderando o ranking do CT até a última etapa, ela deixou o título mundial escapar durante o WSL Finals Five.

Em que pese o fato da campeã, Caroline Marks, ter merecidamente vencido a etapa, enquanto Carissa não conseguiu reagir frente a adversária, não faltaram críticas ao formato “injusto” do WSL Finals Five, que determina o campeão mundial em apenas um dia de competição, substituindo o sistema anterior de pontos acumulados durante toda a temporada.

Carissa, no entanto, se manteve resignada e, de forma bastante elegante, fez uso de suas redes sociais para parabenizar Caroline Marks e agradecer seus patrocinadores. Contudo, sua irmã, Cayla Moore, que não hesitou em expressar suas opiniões fortes e apaixonadas sobre o assunto, criticando a WSL em uma postagem da liga sobre a nova campeã mundial.

Caroline surfou muito bem, no entanto, devo dizer que este formato não mostra um verdadeiro campeão mundial – alguém que aparece consistentemente em cada evento e possui uma ampla gama de habilidades em cada local, onda e etapas do circuito ao longo do ano”, escreveu Cayla. “Isso é extremamente desanimador para pessoas como minha irmã, que aparecem como número 1 por três vezes seguidas e têm seu trabalho árduo e esforço roubados durante todo o ano devido a um evento de UM DIA. Corrijam seu formato. As Finais da WSL não são um bom reflexo dos Campeões Mundiais. 7 vezes para Riss“, escreveu Cayla, deixando claro que em sua opinião, esse formato é injusto com atletas como sua irmã, Carissa, que dominam a temporada regular apenas para perder o título mundial em um único dia de competição.

As críticas de Cayla encontraram eco entre outros surfistas e fãs, que expressaram sua frustração com o novo formato nas redes sociais. Alguns argumentaram que o sistema anterior, baseado na soma de pontos ao longo da temporada, era mais justo e refletia com mais precisão as habilidades consistentes dos surfistas.

No entanto, há também vozes em apoio ao WSL Finals Five, que elogiam a emoção e a imprevisibilidade que ele traz para o campeonato mundial, além de medir a capacidade de um surfista de enfrentar a pressão em um único dia e emergir como campeão.

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias