26 C
Papeete
segunda-feira, 27 maio, 2024
26 C
Papeete
segunda-feira, 27 maio, 2024

Institutos mobilizam ajuda para vítimas das chuvas no litoral norte de SP

Os Institutos Verdescola e Conservação Costeira deram início a uma campanha de arrecadação de alimentos, roupas, toalhas, lençóis e colchões para as vítimas das chuvas no litoral norte de São Paulo.

As fortes chuvas que atingiram em cheio a região nas últimas horas deixaram um rastro de destruição em cidades como Bertioga, São Sebastião, Ubatuba, Caraguatatuba e Ilhabela.

Veja também
+ Fortes chuvas causam estrago no litoral norte paulista
+ Um balanço das finais do Hurley Pro Sunset Beach 2023

Segundo o governo do Estado de São Paulo, em menos de 24 horas, o acúmulo de chuva ultrapassou os 600 mm em alguns pontos do litoral, quase o dobro que o previsto para todo o mês de fevereiro.

Uma das cidades mais afetadas, a prefeitura de São Sebastião decretou estado de calamidade pública. Localizado na Vila Sahy, o Instituto Verdescola também está abrigando pessoas desalojadas pelas enchentes no município.

As doações para o Verdescola podem ser feitas na sede do Instituto, na sede da Sabaleia, na Praia da Baleia, ou pelo Pix: verdescola@verdescola.org.br.

Quem também está arrecadando recursos para as vítimas é a ONG Gerando Falcões. Edu Lyra, fundador da entidade, afirma que, para cada R$ 1 doado pelas pessoas na campanha, o caixa da Gerando Falcões vai colocar mais R$ 1. Segundo ele, a ONG deve entrar com R$ 1 milhão.

“Queremos que muita gente doe para amenizar essa tragédia. É uma questão para a qual toda a sociedade precisa ser convocada. O Brasil tem que repensar e tornar as cidades mais resilientes às mudanças climáticas. A falta de planejamento vai matar, sobretudo os mais pobres”, diz Lyra.

A ajuda será levada por meio da parceria da Gerando Falcões com cerca de 20 lideranças sociais que já atuam em favelas no litoral norte. Chamada de “Tamo Junto”, a campanha será feita pelas redes e pelo site da ONG.

Em Ilhabela, também já há uma forte mobilização da população local para arrecadar recursos. Uma delas é a vaquinha criada pelo chef Eudes Assis, proprietário do restaurante Taioba, que levantou mais de R$ 52 mil até o fechamento dessa reportagem.

“Situação de calamidade pública aqui no litoral norte. Nesses meus 46 anos de vida, nunca vi nada parecido por aqui. As chuvas fortes e prolongadas que caíram nas últimas horas atingiram toda a região, causando alagamentos e deslizamentos nas comunidades nesse começo de feriado prolongado. O pouco que as pessoas tinham, perderam. Momento de muita tristeza”, descreve Assis.

“Para tentar ajudar, vou fechar o Taioba nos próximos três dias e preparar marmitas para as pessoas que estão desabrigadas e que não têm o que comer”, finaliza.

Para ajudar, a chave pix é o e-mail 3501138@vakinha.com.br.

A Defesa Civil emitiu um alerta para todo o litoral paulista sobre previsão para chuvas intensas e contínuas, acompanhadas por descargas elétricas, fortes rajadas de vento e granizo em algumas regiões do estado.

A população deve ficar atenta a sinais de risco, como movimentação do solo, postes e árvores inclinadas, além de rachaduras nas paredes ou portas e janelas emperrando repentinamente.

A Defesa Civil possui o aplicativo Alerta SP, que emite comunicados conforme novos avisos chegam. Também é possível se cadastrar para receber SMS’s pelo número 40199. Já o número para emergências é o 199.

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias