27 C
Papeete
sábado, 22 junho, 2024
27 C
Papeete
sábado, 22 junho, 2024

Gabriel Medina questiona critérios de avaliação da WSL

Gabriel Medina expressou sua insatisfação nas redes sociais em relação aos critérios de avaliação adotados pela WSL. No último domingo, o surfista brasileiro foi eliminado nas quartas de final da sexta etapa do Circuito Mundial, no Surf Ranch Pro, pelo australiano Ethan Ewing.

Por meio de uma publicação em sua conta no Instagram, Medina mencionou a preocupação da comunidade do surfe, especialmente no Brasil, com a falta de consistência na definição das notas nos últimos anos, incluindo a temporada atual. Em uma espécie de carta aberta direcionada à WSL, ele pediu que medidas sejam tomadas para abordar essa questão.

Diversos surfistas brasileiros, como Felipe Toledo e Italo Ferreira, que também competiram no Surf Ranch Pro no último dia de competição, demonstraram apoio a Medina nos comentários da publicação. Italo, inclusive, conquistou o segundo lugar no evento.

É importante destacar que não é a primeira vez neste ano que um surfista brasileiro expressa sua insatisfação publicamente em relação às notas do Circuito Mundial de Surf. Em abril, Filipe Toledo também manifestou seu descontentamento com os critérios de avaliação da WSL após ser eliminado na semifinal da etapa de Bells Beach.

Essas manifestações dos surfistas brasileiros refletem a busca por uma avaliação mais justa e imparcial, reconhecendo o talento e o desempenho excepcionais de Gabriel Medina e de seus compatriotas.

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias