O filmmaker brasileiro Erick Proost foi até a bota do ciclone bomba para registrar uma Florianópolis épica. Solta aí:

Via telefone, HC conversou com Erick. Confira o relato do filmmaker a respeito dessa trip:

“Foi muito doido, porque eu tenho visto que em Floripa tem rolado altas ondas. E eu estava em São Paulo, morrendo de vontade de ir, decidi ir, consegui um lugar pra ficar, e fui.

Meu plano era chegar em uma segunda-feira, mas tivemos alguns probleminhas e chegamos na quarta-feira à meia noite.

“Eu cheguei e só tive tempo de colocar minhas baterias para carregar, dormir, acordar às 5h30 no dia seguinte e ir para o pico. A galera estava falando que estaria épico, e chegando lá, estava surreal mesmo. Eu nunca tinha visto aquela onda daquele jeito, parecia pico internacional.”

No vídeo, você assiste às performances de Marco Giorgi, Victor Bernardo, Mateus Herdy e Ian Casal.

Solta aí!

LEIA TAMBÉM: Na ressaca do swell, com Gabriel Medina em Paúba e Maresias

LEIA TAMBÉM: LN paulista: fotos de um dia histórico na laje do sorriso