26 C
Papeete
quinta-feira, 23 maio, 2024
26 C
Papeete
quinta-feira, 23 maio, 2024

Feras do surf brasileiro competem na etapa histórica do QS da WSL na Praia da Grama

Um time de peso está confirmado para a última e decisiva etapa do Circuito Banco do Brasil de Surfe 2023, também válida pelo ranking Qualifying Series (QS), da WSL South America, que já entra para a história como a primeira competição da liga mundial no continente latino-americano, a ser disputada em ondas artificiais. O evento começa na próxima segunda (30) e vai até quarta-feira na Praia da Grama, no condomínio Fazenda da Grama, no município de Itupeva, interior de São Paulo, cerca de 120 Km do litoral.

Segundo a WSL, os competidores estão ansiosos para competir pela primeira vez nas ondas perfeitas produzidas pela máquina com tecnologia da Wave Garden, instalada na Praia da Grama. Muitos já surfaram lá, mas nunca participaram de um campeonato da World Surf League em ondas artificiais. Esta etapa vai definir o campeão e a campeã da segunda edição do Circuito Banco do Brasil de Surfe e vale 1.000 pontos também para os rankings regionais da WSL South America, que classificam 7 homens e 3 mulheres para o Challenger Series 2024, a divisão de acesso para a elite do Championship Tour (CT).

Circuito Banco do Brasil praia da Grama
O palco da etapa final do Circuito Banco do Brasil de Surfe de 2023. Foto: Sebastian Rojas / Fazenda da Grama

O pernambucano Ian Gouveia e a catarinense Tainá Hinckel, venceram a primeira etapa em Saquarema (RJ) e agora lideram os dois rankings, o especial do Circuito Banco do Brasil e o regional da WSL South America. Depois da abertura na Praia de Itaúna, em Saquarema, o Circuito Banco do Brasil de Surfe passou pela Praia da Ferrugem em Garopaba (SC), Praia de Stella Maris em Salvador (BA) e pela Praia de Maresias em São Sebastião (SP), onde Ian Gouveia conquistou sua segunda vitória na temporada.

TÍTULOS DE 2023 – Com o título em casa, pois o pernambucano mora em Maresias, Ian tirou a liderança do jovem paulista Gabriel Klaussner. O defensor do título é o vice-líder do ranking e outros oito surfistas têm chances matemáticas de ser o campeão de 2023 nas ondas perfeitas da Praia da Grama, Cauã Costa (3.o do ranking), Rodrigo Saldanha (4.o), Heitor Mueller (5.o), Mateus Herdy (6.o), Edgard Groggia (6.o), Rafael Teixeira (8.o), Mateus Sena (9.o) e Ryan Kainalo (10.o).

Na categoria feminina, a disputa pelo título de campeã está mais restrita. As catarinenses Tainá Hinckel e Laura Raupp têm os mesmos 2.500 pontos no ranking, com Tainá liderando no desempate e a briga entre elas é fase a fase na Praia da Grama. Apenas mais três surfistas ainda podem ultrapassar essa pontuação, a argentina Vera Jarisz se conseguir chegar nas semifinais e Sophia Medina e Juliana dos Santos com a vitória nesta quinta e última etapa.

QS Praia da Grama
Tainá Hinckel lidera os rankiings do Circuito Banco do Brasil e da WSL South America. Foto: @WSL / Daniel Smorigo

RANKINGS REGIONAIS – O Circuito Banco do Brasil de Surfe termina na próxima semana, mas a temporada 2023/2024 da WSL South America prossegue até o mês de março do ano que vem. Ainda serão realizadas mais duas etapas para fechar a lista dos 7 homens e 3 mulheres classificados para o Challenger Series 2024, o tradicional Hang Loose Pro Contest em Fernando de Noronha (PE) e o Layback Pro em Florianópolis (SC). Os 1.000 pontos em jogo na Praia da Grama, serão os últimos a serem disputados esse ano.

+ Luana Silva é escolhida como suplente para o Championship Tour da WSL

A competição da Praia da Grama é a nona da temporada 2023/2024 da WSL South America, mas os rankings regionais só computam os cinco melhores resultados de cada atleta. Ian Gouveia lidera a lista dos top-7 no momento, seguido de perto por Mateus Herdy (2.o lugar), Cauã Costa (3.o), Heitor Mueller (4.o), Rafael Teixeira (5.o), Luel Felipe (6.o) e Gabriel Klaussner (7.o). No ranking feminino, as três que estão se classificando são Tainá Hinckel (1.a), Sophia Medina (2.a) e Laura Raupp (3.a), que venceu a etapa do Circuito Banco do Brasil de Surfe de Garopaba (SC).

FORMATO DA COMPETIÇÃO – Um novo formato de competição está sendo preparado pela WSL Latin America na Praia da Grama. Para realizar o campeonato em apenas dois dias, o número de participantes foi limitado para 48 homens e 24 mulheres, mas todos os nomes acima citados estão na lista de inscritos. O primeiro dia, segunda-feira, ficará reservado para todos poderem treinar e conhecer melhor o funcionamento da máquina Wave Garden.

Na terça-feira e na quarta-feira, a competição começa às 8h00 e vai até por volta das 16h00. Os competidores foram divididos em baterias com quatro surfistas e todos terão direito a surfar até 4 ondas, sendo computadas as 2 maiores notas recebidas. Quem ficar na primeira e segunda colocações, avança para a próxima fase. A partir das quartas de final, cada surfista terá direito a pegar 5 ondas, enquanto nas semifinais e nas finais serão 5 ondas de cada lado da piscina.

Além da competição decisiva na disputa pelos títulos, a WSL Latin America também vai promover algumas sessões especiais para outras pessoas terem a chance de surfar na Praia da Grama. Serão realizadas baterias entre convidados do Banco do Brasil, entre jornalistas também convidados e entre condôminos da Fazenda da Grama, além de crianças do Projeto Ondas # Surf Transforma, criado pelo bicampeão brasileiro Jojó de Olivença no Guarujá (SP).

A competição será transmitida ao vivo da Praia da Grama pelo perfil da @WSLBrasil no TikTok e pelo WorldSurfLeague.com e Aplicativo da WSL.

RANKINGS DO CIRCUITO BANCO DO BRASIL DE SURFE:

TOP-5 DA CATEGORIA FEMININA – 4 etapas:
1.a: Tainá Hinckel (SC) – 2.500 pontos
2.a: Laura Raupp (SC) – 2.500
3.a: Vera Jarisz (ARG) – 1.945
4.a: Sophia Medina (SP) – 1.650
5.a: Juliana dos Santos (CE) – 1.550

TOP-5 DA CATEGORIA MASCULINA – 4 etapas:
1.o: Ian Gouveia (PE) – 2.066 pontos
2.o: Gabriel Klaussner (SP) – 1.716
3.o: Cauã Costa (CE) – 1.700
4.o: Rodrigo Saldanha (SP) – 1.661
5.o: Heitor Mueller (SC) – 1.595

RANKINGS SUL-AMERICANOS DA WSL SOUTH AMERICA:

TOP-10 DA CATEGORIA MASCULINA – 8 etapas:
1.o: Ian Gouveia (BRA) – 6.200 pontos
2.o: Mateus Herdy (BRA) – 6.182
3.o: Cauã Costa (BRA) – 5.405
4.o: Heitor Mueller (BRA) – 4.671
5.o: Rafael Teixeira (BRA) – 4.468
6.o: Luel Felipe (BRA) – 4.100
7.o: Gabriel Klaussner (BRA) – 3.775
8.o: Rodrigo Saldanha (BRA) – 3.590
9.o: Mateus Sena (BRA) – 3.412
10.o: Lucas Vicente (BRA) – 3.308

TOP-10 DA CATEGORIA FEMININA – 8 etapas:
1.a: Tainá Hinckel (BRA) – 8.475 pontos
2.a: Sophia Medina (BRA) – 6.645
3.a: Laura Raupp (BRA) – 6.265
4.a: Isabelle Nalu (BRA) – 5.337
5.a: Vera Jarisz (ARG) – 5.172
6.a: Arena Rodriguez Vargas (PER) – 4.723
7.a: Melanie Giunta (PER) – 4.140
8.a: Kalea Gervasi (PER) – 3.871
9.a: Naire Marquez (BRA) – 3.728
10.a: Karol Ribeiro (BRA) – 3.480

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias