Publicidade:

Deivid Silva e Mateus Herdy avançam às semis do Corona Open México

O Corona Open México, sétima etapa do Championship Tour chegou à reta final nesta quinta-feira (12), com dois brasileiros avançando à semifinal: Deivid Silva e Mateus Herdy.

Deivid enfrentará Leonardo Fioravanti (ITA) na primeira semifinal do dia e Mateus irá encarar o australiano Jack Robinson na sequência.

Em um dia marcado por muita emoção em Barra de La Cruz, em meio a ondas com cerca de 2 metros, formação regular, a competição ganhou ares dramáticos com a notícia inesperada do cancelamento da etapa de Teahupoo, devido a um aumento de casos da variante Delta da Covid-19 no Taiti (saiba mais AQUI).

Com isso, as últimas vagas, tanto para a divisão de elite, quanto para a WSL Finals, em Trestles acabarão por ser decidas nesta etapa.

Gabriel Medina, Deivid Silva, Yago Dora, Italo Ferreira, Jadson André e Mateus Herdy, eram os brasileiros que se mantinham vivos na competição na manhã desta quinta, que começou com as oitavas de final.

Nesta rodada, Yago e Jadson deram adeus à competição. Yago foi derrotado pelo português Frederico Morais pelo placar de 15.43 x 12.26 e Jadson não conseguiu superar seu compatriota Mateus Herdy, que venceu o duelo definido em 13.34 x 9.84.

Participando da competição como convidado, Mateus desde a primeira fase vinha mostrado muita sintonia com as ondas mexicanas e ao longo do dia ele iria surpreender ainda mais.

Nas quartas, Deivid Silva mostrou um backside afiado para derrotar o bicampeão mundial Gabriel Medina no primeiro confronto da rodada pelo placar de 15.34 x 13.14.

A bateria foi bastante disputada, mas Deivid surfou duas ondas muito boas na metade da bateria, deixando Medina precisando de um 8.67.

O bicampeão mundial tentou a virada na última onda, executando um aéreo com muita projeção, mas não conseguiu completar a manobra.

A bateria seguinte, entre Leonardo Fioravanti e Conner Coffin (EUA) também foi muito disputada, mas o italiano conseguiu a vitória pelo placar de 15.73 a 14.24 e enfrentará Deivid na semifinal.

Em seguida, Jack Robinson, que até o momento tem sido um dos melhores surfistas na competição, eliminou Frederico Morais pelo placar de 14.06 a 12.60.

Fechando a rodada com chave de ouro, uma disputa pra lá de emocionante entre o campeão olímpico, Italo Ferreira, e outra sensação do evento: Mateus Herdy.

Os dois começaram de forma similar, e atual melhor do mundo, Italo, marcou a primeira nota no critério excelente da disputa (8.83).

Mateus, contudo, não se intimidou e foi para cima, buscando sempre executar manobras fortes e progressivas, mas não vinha tendo sorte na escolha das ondas.

Até que nos cinco minutos finais, conseguiu fazer 9.27 ao executar um aéreo rodado na primeira sessão de uma onda da série, e trabalhou bem a onda até o inside.

Precisando de 4.745 para reverter o placar, Italo ainda surfou mais duas ondas intermediarias, porém, não conseguiu reverter o placar.

Com a conclusão das quartas, foram definidos também os cinco surfistas que se enfrentarão no WSL Finals, em Trestels, Califórnia, que definirá os campeões mundiais da temporada em setembro.

São eles: Gabriel Medina, Italo Ferreira, Filipe Toledo, Conner Coffin (EUA) e Morgan Cibilic (AUS).

Top 10 melhores ondas do dia entre os homens:

Tatiana Weston-Webb garantida no WSL Finals

Tatiana Weston-Webb e Silvana Lima deram adeus à competição nesta quinta-feira. Contudo, Tati garantiu sua vaga no WSL Finals ao lado de Johanne Defay (FRA), Carissa Moore (HAV), Sally Fitzgibbons (AUS) e Stephanie Gilmore (AUS).

A brasileira surfou muito bem nas oitavas, superando Sage Erickson (AUS) de forma contundente.

Porém, nas quartas foi derrotada pela heptacampeã mundial Stephanie Gilmore (AUS), que fez um high score logo no início da bateria: 8.33.

Precisando de uma nota muito alta para virar o jogo, Tati optou por aguardar uma onda da série, e quando a encontrou, conseguiu somente 5.33 dos juízes e ainda testemunhou Gilmore aumentar ainda mais o placar.

Ao final, a bateria ficou definida em 7.33 contra 15.50 a favor da australiana.

Já Silvana Lima foi derrotada pela campeã olímpica Carissa Moore (HAV) em uma das melhores baterias do dia.

A brasileira abriu forte a bateria, enquanto Carissa começou com 2.33 e 3.50 pontos, mas foi subindo de produção ao longo da disputa.

Até que, pouco antes da metade da bateria, Carissa conseguiu driblar a prioridade de Silvana e surfou uma direita muito boa da série, arrancando merecidamente uma nota 9.50, a maior de todo o Open Mexico até o momento.

Silvana ficou então precisando de 9.05 pontos, mas não se entregou. Com muita garra, encontrou uma boa direita da série nos minutos finais da bateria e quase virou, fazendo um 8.00.

A brasileira voltou para o pico, induziu a havaiana a ir numa onda e perder a prioridade, e surfou quando restava um minuto. Silvana foi em busca dos 8.38 pontos que precisava, mas errou no fim e conquistou apenas 4.80.

Mesmo assim, apesar de eliminada, Silvana se despediu da competição com o somatório de 15.33 pontos, que seria suficiente para vencer as quatro baterias anteriores da mesma fase.

Com isso, as semifinais do Corona Open México serão disputadas entre Malia Manuel (HAV), Sally Fitzgibbons (AUS), Carissa Moore (HAV) e Stephanie Gilmore (AUS).

Próxima chamada – A próxima chamada para o Corona Open Mexico acontece nesta sexta-feira (13), às 10h35 (de Brasília).

Corona Open Mexico 2021

Oitavas de final Masculinas

Gabriel Medina (BRA) 13.60 x 13.20 Ethan Ewing (AUS)
Deivid Silva (BRA) 13.44 x 9.67 Kolohe Andino (EUA)
3 Leonardo Fioravanti (ITA) 14.00 x 12.00 Morgan Cibilic (AUS)
4 Conner Coffin (EUA) 14.50 x 9.40 Jeremy Flores (FRA)
5 Jack Robinson (AUS) 15.80 x 13.00 Rio Waida (IDN)
6 Frederico Morais (POR) 15.43 x 12.26 Yago Dora (BRA)
Italo Ferreira (BRA) 14.50 x 12.57 Kelly Slater (EUA)
Mateus Herdy (BRA) 13.34 x 9.84 Jadson André (BRA)

Quartas de final

Deivid Silva (BRA) 15.34 x 13.14 Gabriel Medina (BRA)
2 Leonardo Fioravanti (ITA) 15.73 x 14.24 Conner Coffin (EUA)
3 Jack Robinson (AUS) 14.06 x 12.60 Frederico Morais (POR)
Mateus Herdy (BRA) 16.54 x 15.43 Italo Ferreira (BRA)

Semifinais

Deivid Silva (BRA) x Leonardo Fioravanti (ITA)
2 Jack Robinson (AUS) x Mateus Herdy (BRA)

Oitavas de final Femininas

1 Johanne Defay (FRA) 14.00 x 12.97 Brisa Hennessy (CRC)
2 Malia Manuel (HAV) 12.60 x 10.93 Carolina Marks (EUA)
3 Sally Fitzgibbons (AUS) 13.00 x 10.43 Macy Callaghan (AUS)
4 Courtney Conlogue (EUA) 13.50 x 11.50 Keely Andrew (AUS)
5 Carissa Moore (HAV) 16.67 x 15.33 Silvana Lima (BRA)
6 Isabella Nichols (AUS) 12.60 x 12.30 Tyler Wright (AUS)
Tatiana Weston-Webb (BRA) 15.57 x 3.43 Sage Erickson (EUA)
8 Stephanie Gilmore (AUS) 14.07 x 12.57 Bronte Macaulay (AUS)

Quartas de final

1 Malia Manuel (HAV) 12.67 x 9.67 Johanne Defay (FRA)
2 Sally Fitzgibbons (AUS) 15.17 x 11.77 Courtney Conlogue (EUA)
3 Carissa Moore (HAV) 17.47 x 10.50 Isabella Nichols (AUS)
4 Stephanie Gilmore (AUS) 15.50 x 7.33 Tatiana Weston-Webb (BRA)

Semifinais

1 Malia Manuel (HAV) x Sally Fitzgibbons (AUS)
2 Carissa Moore (HAV) x Stephanie Gilmore (AUS)

 

 

 

 

 

Receba nossas Notícias no seu Email

+Notícias