26 C
Papeete
sábado, 18 maio, 2024
26 C
Papeete
sábado, 18 maio, 2024

CBSurf Imbituba Pro começa nesta quinta-feira

O CBSurf Imbituba Pro apresentado pela Prefeitura de Imbituba começa nesta quinta-feira, com lotação máxima de inscritos no evento válido como quarta etapa da Taça Brasil da Confederação Brasileira de Surf e penúltima do Circuito Profissional da Federação Catarinense de Surf.

Um total de 176 surfistas de 12 estados do país, competirão nas ondas da Praia da Vila, com transmissão ao vivo pelo fecasurf.com.br. Serão 144 na categoria masculina e 32 na feminina, disputando uma premiação de 100.000 Reais, com as mulheres recebendo valores iguais aos oferecidos para os homens na mesma colocação.

Veja também 

Silvana Lima e Lucas Silveira vencem o CBSurf Floripa Pro 

Kelly Slater têm chances de se classificar para Paris 2024 e não precisa nem surfar

+ Italo Ferreira desfalca o Brasil no ISA World Surfing Games

A maioria das inscrições no CBSurf Imbituba Pro é de Santa Catarina, com 41 surfistas no total, 32 na categoria masculina e 9 na feminina. Dos outros 11 estados que estarão representados na Praia da Vila, 35 competidores são de São Paulo (28 homens e 7 mulheres), 23 do Ceará (17 homens+6 mulheres), 18 do Rio de Janeiro (15+3), 12 do Rio Grande do Norte (só homens), 11 do Paraná (8+3), 10 de Pernambuco (8+2), 10 da Bahia (9+1), 6 do Rio Grande do Sul, 4 da Paraíba (3+1), 4 de Alagoas e 2 do Espírito Santo.

Grandes nomes do surfe brasileiro estão entre os surfistas de várias gerações que competirão em Imbituba, que há 11 anos não recebe um campeonato importante. Os campeões brasileiros Mateus Herdy (2021) e Tânio Barreto (2001) e dois ex-tops da elite mundial do CT, Ian Gouveia e Marco Polo, estão entre os 32 surfistas que entrarão nas oito baterias da triagem, que será iniciada às 8h00 da quinta-feira na Praia da Vila. Na semana passada, Mateus Herdy ganhou duas notas 10 com seus aéreos na Praia Mole e Ian Gouveia foi vice-campeão na final do CBSurf Floripa Pro contra Lucas Silveira.

CBSurf Imbituba Pro
Praia da Vila, Imbituba, um dos mais emblemáticos picos de surf brasileiros está de volta ao calendário nacional. Foto: Marcio David

Os outros 112 inscritos na categoria masculina do CBSurf Imbituba Pro, foram divididos em três rodadas com 16 baterias, de acordo com suas posições nos rankings brasileiro da CBSurf e estadual da FECASURF. São 48 entrando na primeira fase na quinta-feira e um deles é Lucas Silveira. Mais 32 entram na segunda fase na sexta-feira e os 32 mais bem ranqueados, formam o grupo dos principais cabeças de chave da terceira fase, que só estrearão no sábado, já disputando classificação para as oitavas de final.

Na quinta-feira, serão realizadas as 8 baterias da triagem e as 16 da primeira fase, quando entram os primeiros 48 pré-classificados. Dos 144 participantes, 80 competirão no primeiro dia e apenas 32 avançarão para enfrentar os 32 estreantes da segunda fase. Na sexta-feira, a programação é fazer mais 24 baterias e o segundo dia começa pela categoria feminina, com as 32 inscritas divididas nos 8 confrontos da primeira fase. Depois, entra a segunda rodada de 16 baterias da masculina, para fechar a sexta-feira.

BICAMPEONATO – Neste segundo dia, Tainá Hinckel, primeira campeã catarinense profissional da história e líder invicta no ranking das três etapas de 2022, já poderá festejar o bicampeonato estadual. Isto se a sua única concorrente, Laura Raupp, não passar para a segunda fase do CBSurf Imbituba Pro. As duas vão estrear em baterias seguidas na Praia da Vila. Tainá está na sexta, com Juliana Quint (SC), Taís Almeida (RJ) e Sol Carrion (SP). Laura entra na sétima, com Ariane Gomes (CE), Natalie Plachi (SC) e Alexia Monteiro (SC).

A FECASURF está premiando os campeões catarinenses profissionais deste ano, com uma moto Yamaha zerinho, oferecida pela Motostore, patrocinadora do Circuito Estadual. A disputa pelo título masculino está mais aberta e os principais concorrentes estão na lista dos 32 principais cabeças de chave do CBSurf Imbituba Pro. Este grupo só estreia no sábado, na terceira e última rodada de 16 baterias, já disputando vagas para as oitavas de final.

O líder, José Francisco, o Fininho, é um dos cabeças de chave da terceira bateria, junto com o pernambucano Luan Ferreyra. O vice-líder no ranking é o imbitubense Walley Guimarães, que mora na Praia do Rosa. Ele está na sexta bateria com o potiguar campeão panamericano no Panamá, Mateus Sena. O terceiro colocado, Matheus Navarro, encabeça a 11.a bateria com o paulista Fernando Junior. E o quarto, Hedieferson Junior, entra na 12.a com o paranaense Peterson Crisanto, vice-campeão do CBSurf São Chico Pro duas semanas atrás.

TAÇA BRASIL – Também fazem parte da relação dos 32 cabeças de chave da terceira fase do CBSurf Imbituba Pro, os surfistas mais bem colocados no ranking da Taça Brasil, que vai classificar 12 homens e 7 mulheres para a nova elite nacional da CBSurf, que passará a disputar os títulos brasileiros no Dream Tour a partir de 2023. O grupo será formado por estes indicados pelo ranking de acesso e os 50 primeiros e as 16 melhores da Divisão Principal do Circuito Brasileiro este ano. Cada etapa do Dream Tour, será disputada por 64 homens e 24 mulheres, além de dois convidados para a categoria masculina e uma para a feminina.

O alagoano Amando Tenorio venceu a primeira etapa da Taça Brasil em Aracaju (SE) e lidera o ranking da Divisão de Acesso do Circuito CBSurf Pro. Ele é seguido pelo pernambucano Luel Felipe (2.o lugar), o paulista Igor Moraes (3.o), o cearense Messias Felix (4.o) que mora na Praia do Rosa e outro paulista, Hizunomê Bettero (5.o). Todos estão na lista dos 32 principais cabeças de chave que só estrearão no sábado em Imbituba.

Já as top-5 do ranking feminino, a pernambucana Monik Santos (1.a), a paulista Julia Santos (2.a), as cearenses Silvana Lima (3.a) e Ariane Gomes (5.a) e a baiana Potira Castaman (4.a), que mora em Florianópolis, entram na primeira fase do CBSurf Imbituba Pro, junto com todas as outras 27 inscritas para competir na Praia da Vila. Esta será a quarta etapa da Taça Brasil, que foi iniciada em Aracajú (SE) e já passou por Maricá (RJ) e São Francisco do Sul (SC).

O CBSurf Imbituba Pro é uma parceria entre a Prefeitura de Imbituba, Federação Catarinense de Surf (FECASURF) e VCplay, juntamente com a Associação de Surf de Imbituba (ASI), com homologação da Confederação Brasileira de Surf (CBSurf) e patrocínio da Motostore Yamaha, Fico, Fu-Wax, Surfland, Silverbay, Açaí do Joca Jr, Unifique, Lord e Arena. A competição será transmitida ao vivo pelo fecasurf.com.br e cbsurf.org.br

Receba nossas Notícias no seu Email

Últimas Notícias