Lena Guimarães Ribeiro conquista medalha de ouro no SUP Race em Lima 2019, primeira da história do surf nos Jogos Pan-Americanos

Por Redação HC

A brasileira Lena Guimarães Ribeiro acaba de faturar a primeira medalha de ouro da história do surf nos Jogos Pan-Americanos. Ela superou um final de prova dramático para terminar na primeira colocação do SUP Race, modalidade de corrida do Stand-Up Paddle, e acrescentar mais um ouro para o Brasil no quadro de medalhas de Lima 2019.

Eu fui pro tudo ou nada ali no final, vim capotando em uma onda. Pensei que devia ser a última, mas não tava vendo ninguém na areia. Quando eu cheguei, me deram parabéns. Eu perguntei: fiquei em algum lugar [bom]? Aí me disseram: em primeiro!, comemorou, aos risos a campeã.

Como descreveu Lena, a conquista veio com emoção. Ela havia caído da prancha, mas assumiu a liderança mesmo assim, já nos últimos metros da prova. A norte-americana Candice Appleby liderava a prova até o final, mas também caiu da prancha e deixou o caminho livre para Lena.

Candice ficou com a medalha de prata. A medalha de bronze ficou com a porto-riquenha Mariacarmen Rivera.

Presidente da International Surfing Association (ISA) e principal articulador da entrada do surf no Pan e nos Jogos Olímpicos, o argentino Fernando Aguerre estava lá. E confirmou: é a primeira medalha de ouro da história do surf nos Jogos Pan-Americanos.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Minha torcida chegou! 💚💛 Obrigada mãe por isso. 🙏🏻

Uma publicação compartilhada por Lena Guimarães Ribeiro 🌴🌺 (@lenagribeiro) em

Neste sábado, Chloé Calmon disputa a semi-final da categoria longboard entre as mulheres. Ela já tem a medalha de bronze garantida, mas, se vencer, disputará o ouro — a final é no domingo.

Veja também:
WSL define baterias da abertura em Teahupo’o – confira
Sistema de piscina falha, cria onda gigante e deixa 44 feridos na China